news.med.br  -  Medical Journal
Medical Journal - 26/11/19
Estudo de coorte1, publicado pelo periódico JAMA Psychiatry, identificou que os distúrbios alimentares ativos ou anteriores, independentemente do subtipo, parecem estar associados a um risco aumentado de resultados adversos na gravidez2 e nos neonatos3.
1 Estudo de coorte: Um estudo de coorte é realizado para verificar se indivíduos expostos a um determinado fator apresentam, em relação aos indivíduos não expostos, uma maior propensão a desenvolver uma determinada doença. Um estudo de coorte é constituído, em seu início, de um grupo de indivíduos, denominada coorte, em que todos estão livres da doença sob investigação. Os indivíduos dessa coorte são classificados em expostos e não-expostos ao fator de interesse, obtendo-se assim dois grupos (ou duas coortes de comparação). Essas coortes serão observadas por um período de tempo, verificando-se quais indivíduos desenvolvem a doença em questão. Os indivíduos expostos e não-expostos devem ser comparáveis, ou seja, semelhantes quanto aos demais fatores, que não o de interesse, para que as conclusões obtidas sejam confiáveis.
2 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
3 Neonatos: Refere-se a bebês nos seus primeiros 28 dias (mês) de vida. O termo “recentemente-nascido“ refere-se especificamente aos primeiros minutos ou horas que se seguem ao nascimento. Esse termo é utilizado para enfocar os conhecimentos e treinamento da ressuscitação imediatamente após o nascimento e durante as primeiras horas de vida.
   [Mais...]

Medical Journal - 25/11/19
Estudo publicado pelo periódico Nutrition Research mostrou que o risco de câncer1 de mama2 aumentou com níveis séricos mais altos de testosterona e, independentemente, com níveis mais baixos de folato na dieta. Houve também algumas indicações de que o efeito conjunto da testosterona e folato era sinérgico.
1 Câncer: Crescimento anormal de um tecido celular capaz de invadir outros órgãos localmente ou à distância (metástases).
2 Mama: Em humanos, uma das regiões pareadas na porção anterior do TÓRAX. As mamas consistem das GLÂNDULAS MAMÁRIAS, PELE, MÚSCULOS, TECIDO ADIPOSO e os TECIDOS CONJUNTIVOS.
   [Mais...]

Medical Journal - 20/11/19
Um grande estudo internacional liderado pela Stanford University e pela New York University descobriu que procedimentos invasivos não são melhores do que medicamentos e conselhos sobre estilo de vida no tratamento de doenças cardíacas graves, mas estáveis.   [Mais...]
Medical Journal - 19/11/19
Neste estudo de coorte1 nacional na Suécia, publicado pelo JAMA Oncology, a idade inicial de rastreamento do câncer2 de mama3 adaptada ao risco variou pelo número de parentes afetados de primeiro ou segundo grau e pela idade no diagnóstico4 de parentes de primeiro grau.
1 Estudo de coorte: Um estudo de coorte é realizado para verificar se indivíduos expostos a um determinado fator apresentam, em relação aos indivíduos não expostos, uma maior propensão a desenvolver uma determinada doença. Um estudo de coorte é constituído, em seu início, de um grupo de indivíduos, denominada coorte, em que todos estão livres da doença sob investigação. Os indivíduos dessa coorte são classificados em expostos e não-expostos ao fator de interesse, obtendo-se assim dois grupos (ou duas coortes de comparação). Essas coortes serão observadas por um período de tempo, verificando-se quais indivíduos desenvolvem a doença em questão. Os indivíduos expostos e não-expostos devem ser comparáveis, ou seja, semelhantes quanto aos demais fatores, que não o de interesse, para que as conclusões obtidas sejam confiáveis.
2 Câncer: Crescimento anormal de um tecido celular capaz de invadir outros órgãos localmente ou à distância (metástases).
3 Mama: Em humanos, uma das regiões pareadas na porção anterior do TÓRAX. As mamas consistem das GLÂNDULAS MAMÁRIAS, PELE, MÚSCULOS, TECIDO ADIPOSO e os TECIDOS CONJUNTIVOS.
4 Diagnóstico: Determinação de uma doença a partir dos seus sinais e sintomas.
   [Mais...]

Medical Journal - 18/11/19
Uma injeção1 de um tratamento com anticorpos2 permite que pessoas com alergias graves ao amendoim comam proteína de amendoim equivalente à quantidade contida em um amendoim até duas semanas depois da injeção1, mostrou um pequeno estudo piloto conduzido pela Universidade de Stanford.
1 Injeção: Infiltração de medicação ou nutrientes líquidos no corpo através de uma agulha e seringa.
2 Anticorpos: Proteínas produzidas pelo organismo para se proteger de substâncias estranhas como bactérias ou vírus. As pessoas que têm diabetes tipo 1 produzem anticorpos que destroem as células beta produtoras de insulina do próprio organismo.
   [Mais...]

Medical Journal - 14/11/19
Pesquisa internacional liderada por Ana Jaklenec e Robert Langer, no Instituto de Tecnologia de Massachusetts, mostra que o encapsulamento à base de polímeros de micronutrientes1 poderia resolver dificuldades de estabilidade dessas substâncias e ajudar no controle das deficiências de micronutrientes1 que afetam bilhões de pessoas em países em desenvolvimento.
1 Micronutrientes: No grupo dos micronutrientes estão as vitaminas e os minerais. Esses nutrientes estão presentes nos alimentos em pequenas quantidades e são indispensáveis para o funcionamento adequado do nosso organismo. Exemplos: cálcio, ferro, sódio, etc.
   [Mais...]

Medical Journal - 13/11/19
Neste estudo publicado pelo International Journal of Obesity, homens que seguiram a dieta intermitente1 restrita obtiveram maior perda de peso ao final do estudo. Isso sugere que um plano de dieta de duas semanas de restrição calórica e duas semanas de folga intercaladas pode ajudar a perder peso indesejado e manter a perda.
1 Intermitente: Nos quais ou em que ocorrem interrupções; que cessa e recomeça por intervalos; intervalado, descontínuo. Em medicina, diz-se de episódios de febre alta que se alternam com intervalos de temperatura normal ou cujas pulsações têm intervalos desiguais entre si.
   [Mais...]

Medical Journal - 12/11/19
O sangramento no início da gravidez1 está fortemente associado à perda do bebê. Estudo publicado pelo NEJM avaliou se a terapia com progesterona pode melhorar os resultados da gravidez1 em mulheres com sangramento no primeiro trimestre.
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
   [Mais...]

Medical Journal - 08/11/19
Em estudo publicado pelo The Lancet Oncology, apesar de sintomas1 de apresentação específicos estarem mais fortemente associados ao estágio avançado no diagnóstico2 do que outros, na maioria dos sintomas1, grandes proporções de pacientes são diagnosticadas em estágios diferentes do estágio IV.
1 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
2 Diagnóstico: Determinação de uma doença a partir dos seus sinais e sintomas.
   [Mais...]

Medical Journal - 07/11/19
A dengue1, uma doença viral transmitida por mosquitos, foi considerada uma das 10 principais ameaças à saúde2 global pela Organização Mundial da Saúde2 (OMS) em 2019. Estudo publicado pelo periódico The New England Journal of Medicine (NEJM) testou a eficácia e a segurança de uma vacina3 tetravalente contra a dengue1 em crianças e adolescentes saudáveis.
1 Dengue: Infecção viral aguda transmitida para o ser humano através da picada do mosquito Aedes aegypti, freqüente em regiões de clima quente. Caracteriza-se por apresentar febre, cefaléia, dores musculares e articulares e uma erupção cutânea característica. Existe uma variedade de dengue que é potencialmente fatal, chamada dengue hemorrágica.
2 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
3 Vacina: Tratamento à base de bactérias, vírus vivos atenuados ou seus produtos celulares, que têm o objetivo de produzir uma imunização ativa no organismo para uma determinada infecção.
   [Mais...]

» 06/11/2019 - Associações entre o uso de mídia baseada em tela e a integridade da substância branca do cérebro em crianças em idade pré-escolar
» 05/11/2019 - Efeito da fluoxetina sobre comportamentos obsessivo-compulsivos em crianças e adolescentes com transtornos do espectro autista
» 04/11/2019 - Avaliação da função endotelial periférica prediz risco futuro de câncer de tumor sólido
» 01/11/2019 - Sistemas de circuito fechado que automatizam a administração de insulina podem melhorar os resultados glicêmicos em diabéticos tipo 1
» 31/10/2019 - Associação de psoríase com risco de desenvolver ou morrer de câncer, publicado pelo JAMA Dermatology
» 30/10/2019 - Ter um cachorro está associado a menor risco de morte a longo prazo
» 29/10/2019 - JAMA: associação de atividade física e risco de fratura entre mulheres na pós-menopausa
» 28/10/2019 - Ingestão de anti-hipertensivos na hora de dormir reduz risco cardiovascular, segundo estudo publicado no European Heart Journal
» 25/10/2019 - O sal da dieta promove comprometimento cognitivo através da fosforilação da proteína tau
» 24/10/2019 - Aprimoramento da técnica CRISPR pode tornar a edição de genoma melhor e mais segura


Visualizar: Títulos | Resumos
  • Entrar
  • Assinar