news.med.br

Mais acessados

O tratamento com sitagliptina pode reduzir a mortalidade em pacientes hospitalizados com COVID-19 e diabetes tipo 2

O tratamento com sitagliptina pode reduzir a mortalidade em pacientes hospitalizados com COVID-19 e diabetes tipo 2

Neste estudo, publicado pela Diabetes1 Care, de pacientes com diabetes tipo 22 internados no hospital devido à COVID-19, o tratamento com sitagliptina no momento da hospitalização foi associado à mortalidade3 reduzida e a melhores resultados clínicos em comparação com o tratamento de cuidados padrão.
1 Diabetes: Nome que designa um grupo de doenças caracterizadas por diurese excessiva. A mais frequente é o Diabetes mellitus, ainda que existam outras variantes (Diabetes insipidus) de doença nas quais o transtorno primário é a incapacidade dos rins de concentrar a urina.
2 Diabetes tipo 2: Condição caracterizada por altos níveis de glicose causada tanto por graus variáveis de resistência à insulina quanto por deficiência relativa na secreção de insulina. O tipo 2 se desenvolve predominantemente em pessoas na fase adulta, mas pode aparecer em jovens.
3 Mortalidade: A taxa de mortalidade ou coeficiente de mortalidade é um dado demográfico do número de óbitos, geralmente para cada mil habitantes em uma dada região, em um determinado período de tempo.
- 22/10/2020
Retorno aos esportes de crianças que tiveram infecção por COVID-19: orientações da American Academy of Pediatrics e do American College of Cardiology

Retorno aos esportes de crianças que tiveram infecção por COVID-19: orientações da American Academy of Pediatrics e do American College of Cardiology

A questão de retornar aos esportes é significativa devido à propensão da COVID-19 de causar danos cardíacos e miocardite1. Ao considerar a questão do retorno ao esporte, o ACC acredita que há três variáveis a considerar: (1) Quão recente foi a infecção2 por COVID-19? (2) Quão grave foi a infecção2? (3) Qual é a atividade física ou esporte que está sendo considerado?
1 Miocardite: 1. Inflamação das paredes musculares do coração. 2. Infecção do miocárdio causada por bactéria, vírus ou outros microrganismos.
2 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
- 21/10/2020
Otimização dos níveis de vitamina D maternos pré-natais pode ajudar a prevenir o desenvolvimento de pressão alta em crianças nascidas de mães com pré-eclâmpsia

Otimização dos níveis de vitamina D maternos pré-natais pode ajudar a prevenir o desenvolvimento de pressão alta em crianças nascidas de mães com pré-eclâmpsia

Em estudo publicado pelo JAMA Network Open, a pré-eclâmpsia1 materna foi associada a uma maior pressão arterial sistólica2 na prole desde a primeira infância até a adolescência. Essa associação, entretanto, foi atenuada entre crianças com níveis mais elevados de 25-hidroxivitamina D no sangue do cordão umbilical3 (refletindo o status de vitamina4 D no útero5).
1 Pré-eclâmpsia: É caracterizada por hipertensão, edema (retenção de líquidos) e proteinúria (presença de proteína na urina). Manifesta-se na segunda metade da gravidez (após a 20a semana de gestação) e pode evoluir para convulsão e coma, mas essas condições melhoram com a saída do feto e da placenta. No meio médico, o termo usado é Moléstia Hipertensiva Específica da Gravidez. É a principal causa de morte materna no Brasil atualmente.
2 Pressão arterial sistólica: É a pressão mais elevada (pico) verificada nas artérias durante a fase de sístole do ciclo cardíaco, é também chamada de pressão máxima.
3 Sangue do Cordão Umbilical: Sangue do feto. A troca de nutrientes e de resíduos entre o sangue fetal e o materno ocorre através da PLACENTA. O sangue do cordão é o sangue contido nos vasos umbilicais (CORDÃO UMBILICAL) no momento do parto.
4 Vitamina: Compostos presentes em pequenas quantidades nos diversos alimentos e nutrientes e que são indispensáveis para o desenvolvimento dos processos biológicos normais.
5 Útero: Orgão muscular oco (de paredes espessas), na pelve feminina. Constituído pelo fundo (corpo), local de IMPLANTAÇÃO DO EMBRIÃO e DESENVOLVIMENTO FETAL. Além do istmo (na extremidade perineal do fundo), encontra-se o COLO DO ÚTERO (pescoço), que se abre para a VAGINA. Além dos istmos (na extremidade abdominal superior do fundo), encontram-se as TUBAS UTERINAS.
- 19/10/2020
Circulation: estudo aponta que dez ou mais medicamentos são prescritos à maioria dos pacientes com insuficiência cardíaca na alta hospitalar

Circulation: estudo aponta que dez ou mais medicamentos são prescritos à maioria dos pacientes com insuficiência cardíaca na alta hospitalar

Estudo publicado no periódico Circulation: Heart Failure mostrou que a polifarmácia é comum tanto na admissão quanto na alta hospitalar de pacientes com insuficiência cardíaca1, e sua prevalência2 está aumentando com o tempo. A maioria dos medicamentos tomados por idosos com IC são medicamentos não cardiovasculares.
1 Insuficiência Cardíaca: É uma condição na qual a quantidade de sangue bombeada pelo coração a cada minuto (débito cardíaco) é insuficiente para suprir as demandas normais de oxigênio e de nutrientes do organismo. Refere-se à diminuição da capacidade do coração suportar a carga de trabalho.
2 Prevalência: Número de pessoas em determinado grupo ou população que são portadores de uma doença. Número de casos novos e antigos desta doença.
- 22/10/2020
Mamadeiras de plástico liberam milhões de microplásticos quando sacudidas durante a preparação de fórmulas infantis

Mamadeiras de plástico liberam milhões de microplásticos quando sacudidas durante a preparação de fórmulas infantis

Estudo publicado pela Nature Food demonstrou que a exposição infantil a microplásticos é maior do que o anteriormente reconhecido devido à prevalência1 de produtos à base de polipropileno usados na preparação de fórmulas, destacando a necessidade urgente de avaliar se a exposição a microplásticos nesses níveis representa um risco para a saúde2 infantil.
1 Prevalência: Número de pessoas em determinado grupo ou população que são portadores de uma doença. Número de casos novos e antigos desta doença.
2 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
- 23/10/2020
Remissão de 2 anos do diabetes tipo 2, induzida pela perda de peso, pode reverter morfologia anormal do pâncreas causada pela doença

Remissão de 2 anos do diabetes tipo 2, induzida pela perda de peso, pode reverter morfologia anormal do pâncreas causada pela doença

O pâncreas1 é pequeno e de formato irregular em pessoas com diabetes tipo 22. Dados de estudo publicado pelo The Lancet mostram pela primeira vez, até onde se sabe, reversibilidade da morfologia anormal do pâncreas1 do diabetes tipo 22 por remissão induzida pela perda de peso.
1 Pâncreas: Órgão nodular (no ABDOME) que abriga GLÂNDULAS ENDÓCRINAS e GLÂNDULAS EXÓCRINAS. A pequena porção endócrina é composta pelas ILHOTAS DE LANGERHANS, que secretam vários hormônios na corrente sangüínea. A grande porção exócrina (PÂNCREAS EXÓCRINO) é uma glândula acinar composta, que secreta várias enzimas digestivas no sistema de ductos pancreáticos (que desemboca no DUODENO).
2 Diabetes tipo 2: Condição caracterizada por altos níveis de glicose causada tanto por graus variáveis de resistência à insulina quanto por deficiência relativa na secreção de insulina. O tipo 2 se desenvolve predominantemente em pessoas na fase adulta, mas pode aparecer em jovens.
- 19/10/2020

Elogios, críticas ou sugestões

Seu nome:
Seu email:
Mensagem:

  • Entrar
  • Assinar