news.med.br
Medical Journal - 08/05/19
Em pesquisa publicada pelo JAMA, o peso pré-gestacional e a magnitude do ganho de peso gestacional foram associados com risco de qualquer resultado adverso, no entanto, a magnitude do ganho de peso gestacional foi fracamente associada aos desfechos adversos avaliados.   [Mais...]
Medical Journal - 02/04/19
Análise secundária de um estudo clínico randomizado1 procurou responder se a administração de corticosteroides no período antenatal a mulheres em risco de parto prematuro tardio é uma estratégia custo-efetiva. Nesta análise, o tratamento com betametasona foi associado a um custo médio total significativamente menor do que no grupo placebo2.
1 Randomizado: Ensaios clínicos comparativos randomizados são considerados o melhor delineamento experimental para avaliar questões relacionadas a tratamento e prevenção. Classicamente, são definidos como experimentos médicos projetados para determinar qual de duas ou mais intervenções é a mais eficaz mediante a alocação aleatória, isto é, randomizada, dos pacientes aos diferentes grupos de estudo. Em geral, um dos grupos é considerado controle – o que algumas vezes pode ser ausência de tratamento, placebo, ou mais frequentemente, um tratamento de eficácia reconhecida. Recursos estatísticos são disponíveis para validar conclusões e maximizar a chance de identificar o melhor tratamento. Esses modelos são chamados de estudos de superioridade, cujo objetivo é determinar se um tratamento em investigação é superior ao agente comparativo.
2 Placebo: Preparação neutra quanto a efeitos farmacológicos, ministrada em substituição a um medicamento, com a finalidade de suscitar ou controlar as reações, geralmente de natureza psicológica, que acompanham tal procedimento terapêutico.
   [Mais...]

Medical Journal - 13/03/19
Os resultados do estudo, publicado pelo periódico Pediatrics, mostram que estes dados suportam a necessidade de cessação do tabagismo antes da gravidez1. Se nenhuma mulher fumar na gravidez1, as taxas de síndrome2 da morte súbita infantil (SMSI) nos Estados Unidos poderiam ser reduzidas substancialmente.
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
2 Síndrome: Conjunto de sinais e sintomas que se encontram associados a uma entidade conhecida ou não.
   [Mais...]

Saúde - 28/02/19
A gravidez1 múltipla sesquizigótica é um intermediário excepcional entre a geminação monozigótica e dizigótica. Artigo publicado pelo periódico The New England Journal of Medicine (NEJM) relata o segundo caso de gestação gemelar monocoriônica2 com discordância sexual fetal diagnosticado na Austrália em uma mãe de 28 anos de idade.
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
2 Monocoriônica: Gravidez monocoriônica é aquela de uma só placenta.
   [Mais...]

Medical Journal - 31/10/18
A exposição pré-natal ao ftalato está associada ao desenvolvimento da linguagem em crianças com 30 a 37 meses de idade? Neste estudo de coorte1 com dados de dois estudos independentes, que incluíram um total de 1.333 pares mãe-filho, a exposição ao dibutil ftalato e ao butil benzil ftalato durante a gravidez2 foi significativamente associada ao atraso da linguagem em crianças em idade pré-escolar.
1 Estudo de coorte: Um estudo de coorte é realizado para verificar se indivíduos expostos a um determinado fator apresentam, em relação aos indivíduos não expostos, uma maior propensão a desenvolver uma determinada doença. Um estudo de coorte é constituído, em seu início, de um grupo de indivíduos, denominada coorte, em que todos estão livres da doença sob investigação. Os indivíduos dessa coorte são classificados em expostos e não-expostos ao fator de interesse, obtendo-se assim dois grupos (ou duas coortes de comparação). Essas coortes serão observadas por um período de tempo, verificando-se quais indivíduos desenvolvem a doença em questão. Os indivíduos expostos e não-expostos devem ser comparáveis, ou seja, semelhantes quanto aos demais fatores, que não o de interesse, para que as conclusões obtidas sejam confiáveis.
2 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
   [Mais...]

Medical Journal - 24/10/18
Com o objetivo de estimar os riscos para as principais malformações1 congênitas2 associadas à exposição aos β-bloqueadores no primeiro trimestre da gestação foi realizado um estudo de coorte3 publicado pelo Annals of Internal Medicine.
1 Malformações: 1. Defeito na forma ou na formação; anomalia, aberração, deformação. 2. Em patologia, é vício de conformação de uma parte do corpo, de origem congênita ou hereditária, geralmente curável por cirurgia. Ela é diferente da deformação (que é adquirida) e da monstruosidade (que é incurável).
2 Congênitas: 1. Em biologia, o que é característico do indivíduo desde o nascimento ou antes do nascimento; conato. 2. Que se manifesta espontaneamente; inato, natural, infuso. 3. Que combina bem com; apropriado, adequado. 4. Em termos jurídicos, é o que foi adquirido durante a vida fetal ou embrionária; nascido com o indivíduo. Por exemplo, um defeito congênito.
3 Estudo de coorte: Um estudo de coorte é realizado para verificar se indivíduos expostos a um determinado fator apresentam, em relação aos indivíduos não expostos, uma maior propensão a desenvolver uma determinada doença. Um estudo de coorte é constituído, em seu início, de um grupo de indivíduos, denominada coorte, em que todos estão livres da doença sob investigação. Os indivíduos dessa coorte são classificados em expostos e não-expostos ao fator de interesse, obtendo-se assim dois grupos (ou duas coortes de comparação). Essas coortes serão observadas por um período de tempo, verificando-se quais indivíduos desenvolvem a doença em questão. Os indivíduos expostos e não-expostos devem ser comparáveis, ou seja, semelhantes quanto aos demais fatores, que não o de interesse, para que as conclusões obtidas sejam confiáveis.
   [Mais...]

Medical Journal - 19/09/18
Um estudo com publicação online pelo American Journal of Psychiatry diz que níveis elevados de um metabólito1 do diclorodifeniltricloroetano (DDT) no soro2 de grávidas fornecem a primeira evidência com biomarcadores de que um inseticida pode estar envolvido na etiologia3 do autismo em crianças.
1 Metabólito: Qualquer composto intermediário das reações enzimáticas do metabolismo.
2 Soro: Chama-se assim qualquer líquido de características cristalinas e incolor.
3 Etiologia: 1. Ramo do conhecimento cujo objeto é a pesquisa e a determinação das causas e origens de um determinado fenômeno. 2. Estudo das causas das doenças.
   [Mais...]

Saúde - 24/08/18
O parecer do Comitê de Especialistas do Colégio Americano de Obstetras e Ginecologistas está sendo revisado para fornecer orientações atualizadas sobre a gestão de gestantes durante a gravidez1 e o parto para prevenir a transmissão materno-infantil do vírus2 da imunodeficiência3 humana (HIV4). A prevenção da transmissão do HIV4 da mulher para o feto5 ou recém-nascido é um objetivo importante no atendimento de gestantes infectadas pelo HIV4.
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
2 Vírus: Pequeno microorganismo capaz de infectar uma célula de um organismo superior e replicar-se utilizando os elementos celulares do hospedeiro. São capazes de causar múltiplas doenças, desde um resfriado comum até a AIDS.
3 Imunodeficiência: Distúrbio do sistema imunológico que se caracteriza por um defeito congênito ou adquirido em um ou vários mecanismos que interferem na defesa normal de um indivíduo perante infecções ou doenças tumorais.
4 HIV: Abreviatura em inglês do vírus da imunodeficiência humana. É o agente causador da AIDS.
5 Feto: Filhote por nascer de um mamífero vivíparo no período pós-embrionário, depois que as principais estruturas foram delineadas. Em humanos, do filhote por nascer vai do final da oitava semana após a CONCEPÇÃO até o NASCIMENTO, diferente do EMBRIÃO DE MAMÍFERO prematuro.
   [Mais...]

Medical Journal - 22/08/18
O trabalho publicado pelo periódico Contraception teve o objetivo de investigar a eficácia contraceptiva do aplicativo móvel Natural Cycles, avaliando o índice de Pearl1 pelo uso típico e pelo uso perfeito. Este aplicativo foi aprovado pela Food and Drug Administration (FDA).
1 índice de Pearl: O Índice Pearl é definido como o número de falhas contraceptivas por 100 mulheres-anos de exposição e usa como denominador o total de meses ou ciclos de exposição desde o início do uso do produto até o final do estudo ou a descontinuação do produto. É uma fórmula matemática que avalia a eficácia de um método contraceptivo.
   [Mais...]

Medical Journal - 07/08/18
A associação entre o status de folato materno e as habilidades verbais de filhos de mães epilépticas, que fizeram uso de ácido fólico quatro semanas antes do início da gestação até o final do primeiro trimestre da gravidez1 e que também usaram antiepilépticos, foi estudada por pesquisadores da University of Bergen, na Noruega, e teve publicação pelo periódico Neurology.
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
   [Mais...]

Mostrar: 10
1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - > - >>
1 a 10 (Total: 101)
  • Entrar
  • Assinar