news.med.br
Medical Journal - 06/10/16
Uma revisão sistemática foi publicada pelo periódico The Journal of the American Medical Association (JAMA), sobre as opções de tratamento em casos leves, moderados ou graves de hiperêmese gravídica.   [Mais...]
Saúde - 05/03/15
Pessoas com melhor aptidão física aos 40 anos parecem manter maior volume cerebral duas décadas mais tarde na vida e também tendem a apresentar melhor desempenho em testes cognitivos1, sugere nova pesquisa apresentada na reunião da American Heart Association, American Heart Association EPI/Lifestyle 2015, em Baltimore.
1 Cognitivos: 1. Relativo ao conhecimento, à cognição. 2. Relativo ao processo mental de percepção, memória, juízo e/ou raciocínio. 3. Diz-se de estados e processos relativos à identificação de um saber dedutível e à resolução de tarefas e problemas determinados. 4. Diz-se dos princípios classificatórios derivados de constatações, percepções e/ou ações que norteiam a passagem das representações simbólicas à experiência, e também da organização hierárquica e da utilização no pensamento e linguagem daqueles mesmos princípios.
   [Mais...]

Medical Journal - 06/11/12
A presença de febre1 sem uma causa aparente é comum em crianças pequenas. O objetivo do trabalho publicado pelo periódico Pediatrics foi determinar se vírus2 específicos podem ser os responsáveis por tais febres. Concluiu-se que as infecções3 virais são frequentes em crianças com febre1 sem uma causa aparente.
1 Febre: É a elevação da temperatura do corpo acima dos valores normais para o indivíduo. São aceitos como valores de referência indicativos de febre: temperatura axilar ou oral acima de 37,5°C e temperatura retal acima de 38°C. A febre é uma reação do corpo contra patógenos.
2 Vírus: Pequeno microorganismo capaz de infectar uma célula de um organismo superior e replicar-se utilizando os elementos celulares do hospedeiro. São capazes de causar múltiplas doenças, desde um resfriado comum até a AIDS.
3 Infecções: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
   [Mais...]

Medical Journal - 01/02/12
Diferença na pressão arterial sistólica1 (PAS) de 10 mmHg ou mais, ou de 15 mmHg ou mais, entre um braço e outro já foi associada à doença vascular periférica2 e atribuída à estenose3 da subclávia. O estudo publicado pelo The Lancet investigou se existe associação entre esta diferença e doenças vasculares4 centrais ou periféricas e mortalidade5.
1 Pressão arterial sistólica: É a pressão mais elevada (pico) verificada nas artérias durante a fase de sístole do ciclo cardíaco, é também chamada de pressão máxima.
2 Doença vascular periférica: Doença dos grandes vasos dos braços, pernas e pés. Pode ocorrer quando os principais vasos dessas áreas são bloqueados e não recebem sangue suficiente. Os sinais são: dor e cicatrização lenta de lesões nessas áreas.
3 Estenose: Estreitamento patológico de um conduto, canal ou orifício.
4 Vasculares: Relativo aos vasos sanguíneos do organismo.
5 Mortalidade: A taxa de mortalidade ou coeficiente de mortalidade é um dado demográfico do número de óbitos, geralmente para cada mil habitantes em uma dada região, em um determinado período de tempo.
   [Mais...]

Pharma News - 31/08/11
O U.S. Food and Drug Administration (FDA) está informando aos profissionais de saúde1 e pacientes sobre mudanças na atividade elétrica do coração2 quando o citalopram é usado em doses maiores do que 40 mg ao dia. Os estudos não demonstraram benefícios no tratamento da depressão quando doses maiores que 40 mg ao dia são usadas.
1 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
2 Coração: Órgão muscular, oco, que mantém a circulação sangüínea.
   [Mais...]

Medical Journal - 22/11/05
A morte fetal tardia (aborto espontâneo e natimorto) é duas vezes mais comum em mulheres que bebem oito ou mais copos de café por dia durante a gravidez1 do que em mulheres que evitam café durante a gestação, segundo relatam pesquisadores da University of Aarhus. O alto consumo de café fornece risco aumentado de 59% para morte fetal.
1 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
   [Mais...]

Medical Journal - 18/10/19
Neste estudo publicado pelo The Lancet Digital Health, o objetivo foi desenvolver um protocolo de rastreio preciso, estimando o risco de câncer1 de pulmão2 em três anos após duas tomografias de rastreio usando um algoritmo de deep learning.
1 Câncer: Crescimento anormal de um tecido celular capaz de invadir outros órgãos localmente ou à distância (metástases).
2 Pulmão: Cada um dos órgãos pareados que ocupam a cavidade torácica que tem como função a oxigenação do sangue.
   [Mais...]

Medical Journal - 20/09/19
Em estudo publicado no periódico The Lancet Psychiatry, pacientes com sintomas1 depressivos leves a graves, ou ansiedade, ou uma mistura de ambos, foram selecionados por pesquisadores da University College London (UCL) para avaliar a ação da sertralina no tratamento desses pacientes. Foi observado que a sertralina não reduzia os sintomas1 depressivos dentro de seis semanas de uso, mas melhorava a ansiedade, a qualidade de vida e a saúde2 mental auto-avaliada.
1 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
2 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
   [Mais...]

Medical Journal - 19/04/18
Pacientes com transtornos mentais graves têm maior probabilidade de ter função tireoidiana alterada, o que pode estar relacionado, em parte, ao uso de agentes antipsicóticos comumente prescritos, sugere pesquisa da Universidade de Oslo.   [Mais...]
Medical Journal - 16/11/17
O American College of Cardiology (ACC) e a American Heart Association (AHA) lançaram uma nova orientação sobre hipertensão1 com uma nova definição que chamará de "hipertensão arterial2 estágio 1" a pressão sistólica3 situada em 130 a 139 mmHg e a diastólica em 80 a 89 mmHg.
1 Hipertensão: Condição presente quando o sangue flui através dos vasos com força maior que a normal. Também chamada de pressão alta. Hipertensão pode causar esforço cardíaco, dano aos vasos sangüíneos e aumento do risco de um ataque cardíaco, derrame ou acidente vascular cerebral, além de problemas renais e morte.
2 Hipertensão arterial: Aumento dos valores de pressão arterial acima dos valores considerados normais, que no adulto são de 140 milímetros de mercúrio de pressão sistólica e 85 milímetros de pressão diastólica.
3 Pressão sistólica: É a pressão mais elevada (pico) verificada nas artérias durante a fase de sístole do ciclo cardíaco. É também chamada de pressão máxima.
   [Mais...]

Mostrar: 10
<< - < - 3 - 4 - 5 - 6 - 7 - 8 - > - >>
51 a 60 (Total: 945)
  • Entrar
  • Assinar