news.med.br
Opinião - 05/12/19
Em análise publicada pelo The British Medical Journal, uma equipe global de pesquisadores influentes, clínicos, reguladores e defensores dos cidadãos sugere como podemos começar a construir uma base de evidências para a saúde1, livre de influências comerciais.
1 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
   [Mais...]

Medical Journal - 04/12/19
Nos Estados Unidos, o suicídio é uma grande preocupação de saúde1 pública e a segunda principal causa de morte entre jovens de 10 a 18 anos, persistindo no início da vida adulta. A tentativa de suicídio é o mais forte preditor de morte subsequente por suicídio, e muitas crianças com tentativas de suicídio (SA) e ideação suicida (SI) primeiro se apresentam a um departamento de emergência2 (DE) médica para receber cuidados pediátricos.
1 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
2 Emergência: 1. Ato ou efeito de emergir. 2. Situação grave, perigosa, momento crítico ou fortuito. 3. Setor de uma instituição hospitalar onde são atendidos pacientes que requerem tratamento imediato; pronto-socorro. 4. Eclosão. 5. Qualquer excrescência especializada ou parcial em um ramo ou outro órgão, formada por tecido epidérmico (ou da camada cortical) e um ou mais estratos de tecido subepidérmico, e que pode originar nectários, acúleos, etc. ou não se desenvolver em um órgão definido.
   [Mais...]

Medical Journal - 03/12/19
Estudo mostrou que o bypass gástrico foi superior à gastrectomia vertical para remissão do diabetes tipo 21 em um ano após a cirurgia. O uso do bypass gástrico como procedimento bariátrico preferido para pacientes2 com obesidade3 e diabetes tipo 21 pode melhorar o tratamento do diabetes4 e reduzir os custos sociais relacionados.
1 Diabetes tipo 2: Condição caracterizada por altos níveis de glicose causada tanto por graus variáveis de resistência à insulina quanto por deficiência relativa na secreção de insulina. O tipo 2 se desenvolve predominantemente em pessoas na fase adulta, mas pode aparecer em jovens.
2 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
3 Obesidade: Condição em que há acúmulo de gorduras no organismo além do normal, mais severo que o sobrepeso. O índice de massa corporal é igual ou maior que 30.
4 Diabetes: Nome que designa um grupo de doenças caracterizadas por diurese excessiva. A mais frequente é o Diabetes mellitus, ainda que existam outras variantes (Diabetes insipidus) de doença nas quais o transtorno primário é a incapacidade dos rins de concentrar a urina.
   [Mais...]

Medical Journal - 02/12/19
Estudo australiano publicado pelo periódico European Respiratory Journal mostra que o acúmulo de tecido adiposo1 em vias aéreas pode contribuir para o aparecimento de doenças pulmonares obstrutivas em obesos asmáticos.
1 Tecido Adiposo: Tecido conjuntivo especializado composto por células gordurosas (ADIPÓCITOS). É o local de armazenamento de GORDURAS, geralmente na forma de TRIGLICERÍDEOS. Em mamíferos, existem dois tipos de tecido adiposo, a GORDURA BRANCA e a GORDURA MARROM. Suas distribuições relativas variam em diferentes espécies sendo que a maioria do tecido adiposo compreende o do tipo branco.
   [Mais...]

Medical Journal - 29/11/19
Estudo publicado pelo The Lancet fornece evidências de que pacientes com surtos de osteoartrite1 das mãos2 podem ser tratados de maneira eficaz e segura com um curso de 6 semanas de 10 mg de prednisolona por dia, fornecendo aos médicos uma nova opção de tratamento a curto prazo.
1 Osteoartrite: Termo geral que se emprega para referir-se ao processo degenerativo da cartilagem articular, manifestado por dor ao movimento, derrame articular, etc. Também denominado artrose.
2 Mãos: Articulação entre os ossos do metacarpo e as falanges.
   [Mais...]

Medical Journal - 28/11/19
A morte cardíaca súbita ocorre em aproximadamente 220.000 adultos americanos anualmente, a maioria dos quais não tem sintomas1 prévios ou diagnóstico2 cardiovascular. Variantes raras de DNA patogênico3 em qualquer um de 49 genes com associação conhecida à doença cardiovascular pode predispor a 4 causas importantes de morte cardíaca súbita: cardiomiopatia, doença arterial coronariana, síndrome4 da arritmia5 hereditária e aortopatia ou dissecção aórtica.
1 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
2 Diagnóstico: Determinação de uma doença a partir dos seus sinais e sintomas.
3 Patogênico: 1. Relativo a patogenia, patogênese ou patogenesia. 2. Que provoca ou pode provocar, direta ou indiretamente, uma doença.
4 Síndrome: Conjunto de sinais e sintomas que se encontram associados a uma entidade conhecida ou não.
5 Arritmia: Arritmia cardíaca é o nome dado a diversas perturbações que alteram a frequência ou o ritmo dos batimentos cardíacos.
   [Mais...]

Saúde - 27/11/19
Pesquisa brasileira, coordenada pela Fiocruz, realizou análise de sangue1 e urina2 de cerca de 9 mil brasileiros e constatou que quase três quartos dos brasileiros têm alto consumo de sal. O consumo excessivo de sal pode levar à hipertensão3, que causa várias doenças crônicas, como as cardiovasculares e a renal4.
1 Sangue: O sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em um adulto sadio, cerca de 45% do volume de seu sangue é composto por células (a maioria glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares.
2 Urina: Resíduo líquido produzido pela filtração renal no organismo, estocado na bexiga e expelido pelo ato de urinar.
3 Hipertensão: Condição presente quando o sangue flui através dos vasos com força maior que a normal. Também chamada de pressão alta. Hipertensão pode causar esforço cardíaco, dano aos vasos sangüíneos e aumento do risco de um ataque cardíaco, derrame ou acidente vascular cerebral, além de problemas renais e morte.
4 Renal: Relacionado aos rins. Uma doença renal é uma doença dos rins. Insuficiência renal significa que os rins pararam de funcionar.
   [Mais...]

Medical Journal - 26/11/19
Estudo de coorte1, publicado pelo periódico JAMA Psychiatry, identificou que os distúrbios alimentares ativos ou anteriores, independentemente do subtipo, parecem estar associados a um risco aumentado de resultados adversos na gravidez2 e nos neonatos3.
1 Estudo de coorte: Um estudo de coorte é realizado para verificar se indivíduos expostos a um determinado fator apresentam, em relação aos indivíduos não expostos, uma maior propensão a desenvolver uma determinada doença. Um estudo de coorte é constituído, em seu início, de um grupo de indivíduos, denominada coorte, em que todos estão livres da doença sob investigação. Os indivíduos dessa coorte são classificados em expostos e não-expostos ao fator de interesse, obtendo-se assim dois grupos (ou duas coortes de comparação). Essas coortes serão observadas por um período de tempo, verificando-se quais indivíduos desenvolvem a doença em questão. Os indivíduos expostos e não-expostos devem ser comparáveis, ou seja, semelhantes quanto aos demais fatores, que não o de interesse, para que as conclusões obtidas sejam confiáveis.
2 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
3 Neonatos: Refere-se a bebês nos seus primeiros 28 dias (mês) de vida. O termo “recentemente-nascido“ refere-se especificamente aos primeiros minutos ou horas que se seguem ao nascimento. Esse termo é utilizado para enfocar os conhecimentos e treinamento da ressuscitação imediatamente após o nascimento e durante as primeiras horas de vida.
   [Mais...]

Medical Journal - 25/11/19
Estudo publicado pelo periódico Nutrition Research mostrou que o risco de câncer1 de mama2 aumentou com níveis séricos mais altos de testosterona e, independentemente, com níveis mais baixos de folato na dieta. Houve também algumas indicações de que o efeito conjunto da testosterona e folato era sinérgico.
1 Câncer: Crescimento anormal de um tecido celular capaz de invadir outros órgãos localmente ou à distância (metástases).
2 Mama: Em humanos, uma das regiões pareadas na porção anterior do TÓRAX. As mamas consistem das GLÂNDULAS MAMÁRIAS, PELE, MÚSCULOS, TECIDO ADIPOSO e os TECIDOS CONJUNTIVOS.
   [Mais...]

Saúde - 21/11/19
Para ajudar a orientar a pesquisa sobre os alimentos que as pessoas podem estar consumindo demais por serem saborosos (palatáveis), os cientistas desenvolveram a primeira definição quantitativa de "alimento hiperpalatável", com o objetivo de entender os mecanismos que podem levar a excessos e à obesidade1.
1 Obesidade: Condição em que há acúmulo de gorduras no organismo além do normal, mais severo que o sobrepeso. O índice de massa corporal é igual ou maior que 30.
   [Mais...]

Mostrar: 10
< - 1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - > - >>
21 a 30 (Total: 2291)
  • Entrar
  • Assinar