Gostou do artigo? Compartilhe!

Contraceptivos hormonais e acne: uma análise sobre o efeito antiacne dos diferentes anticoncepcionais hormonais

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Uma análise retrospectiva sobre os efeitos antiacne dos diferentes contraceptivos hormonais foi publicada no periódico Journal of Drugs in Dermatology por cientistas de San Diego, na Califórnia. Os resultados mostram que injeções de depósito, implantes subcutâneos e dispositivos intrauterinos hormonais pioram a acne1, enquanto o anel vaginal e os contraceptivos orais combinados têm um bom efeito na melhoria dessas lesões2 de pele3.

Embora os contraceptivos hormonais possam ajudar a melhorar ou piorar a acne1, há uma evidência limitada sobre os efeitos de muitos agentes comumente prescritos até o momento. O presente estudo avaliou o efeito dos anticoncepcionais na acne1 de 2147 pacientes que estavam utilizando algum tipo de contraceptivo hormonal através de autorrelato.

No momento da consulta inicial para a acne1, cada uma das 2147 pacientes que usavam contracepção4 hormonal forneceu sua opinião sobre como o seu contraceptivo tinha afetado o aspecto da sua acne1. O teste de Kruskal-Wallis e a análise de regressão logística foram usados para comparar os resultados relatados pelas pacientes por tipo de contraceptivo usado.

Os resultados mostram que, em média, as injeções de depósito, os implantes subcutâneos e os dispositivos intrauterinos hormonais pioraram a acne1 e eram inferiores aos efeitos do anel vaginal e dos contraceptivos orais combinados (COC) com P≤0,001 para todas as comparações de pares; estes últimos melhoraram a acne1, em média. Dentro das categorias de COC, uma hierarquia surgiu com base no componente progestina, na qual a drospirenona era mais útil do que o norgestimato e desogestrel melhor que o levonorgestrel e noretindrona (P≤0,035 para todas as comparações de pares). A presença de progestina de dosagem trifásica em COCs teve um efeito positivo (P=0,005), enquanto a variação na dose de estrogênio não teve um efeito significativo (P=0,880).

Concluiu-se que os diferentes contraceptivos hormonais têm efeitos significativamente variados sobre a acne1, incluindo entre os diferentes tipos de COC.

Saiba mais sobre os diferentes anticoncepcionais lendo os artigos sobre "Pílulas anticoncepcionais", "Métodos anticoncepcionais", "Dispositivo intrauterino (DIU)" e "EVRA: um novo conceito em anticoncepcionais".

 

Fonte: Journal of Drugs in Dermatology, volume 15, número 6, de 21 de junho de 2016

 

NEWS.MED.BR, 2016. Contraceptivos hormonais e acne: uma análise sobre o efeito antiacne dos diferentes anticoncepcionais hormonais. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/medical-journal/1271563/contraceptivos-hormonais-e-acne-uma-analise-sobre-o-efeito-antiacne-dos-diferentes-anticoncepcionais-hormonais.htm>. Acesso em: 21 nov. 2019.

Complementos

1 Acne: Doença de predisposição genética cujas manifestações dependem da presença dos hormônios sexuais. As lesões começam a surgir na puberdade, atingindo a maioria dos jovens de ambos os sexos. Os cravos e espinhas ocorrem devido ao aumento da secreção sebácea associada ao estreitamento e obstrução da abertura do folículo pilosebáceo, dando origem aos comedões abertos (cravos pretos) e fechados (cravos brancos). Estas condições favorecem a proliferação de microorganismos que provocam a inflamação característica das espinhas, sendo o Propionibacterium acnes o agente infeccioso mais comumente envolvido.
2 Lesões: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
3 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
4 Contracepção: Qualquer processo que evite a fertilização do óvulo ou a implantação do ovo. Os métodos de contracepção podem ser classificados de acordo com o seu objetivo em barreiras mecânicas ou químicas, impeditivas de nidação e contracepção hormonal.
Gostou do artigo? Compartilhe!