Atalho: 5RC9ZRS
Gostou do artigo? Compartilhe!

Campanha de vacinação contra gripe imuniza 13 milhões de idosos

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

A Campanha Nacional de Vacinação do Idoso imunizou 83,93% das pessoas com mais de 60 anos em todo o país, em abril deste ano. O número corresponde a 13.076.743 pessoas. O resultado ultrapassa a meta de vacinar 70% dos idosos do país, recomendada pela Organização Mundial de Saúde1 (OMS). As campanhas de vacinação de idosos começaram em 1999. Milhões de pessoas são vacinadas todos os anos no Brasil.

Estimativas de estudos internacionais indicam que a vacina2 contra a gripe3 provoca redução da mortalidade4 em até 50% entre a população idosa. Além disso, constam nos resultados desses estudos a redução de 19% do risco de hospitalização por doenças cardíacas e de até 23% em se tratando de doenças cerebrovasculares.

A gripe3 é considerada uma das doenças infecciosas que mais preocupam as autoridades sanitárias no Brasil e no mundo. No último século, ocorreram três pandemias responsáveis por mais de 50 milhões de mortes, problemas sociais e perdas econômicas: a Gripe3 Espanhola (1918), a Gripe3 Asiática (1957) e a Gripe3 de Hong Kong (1968). Especialistas acreditam que uma nova pandemia5 poderá acontecer nos próximos anos e provocar milhões de casos da doença. A característica mutável do vírus6 influenza7, causador da gripe3, reforça essa hipótese.

Fonte: Ministério da Saúde1

NEWS.MED.BR, 2005. Campanha de vacinação contra gripe imuniza 13 milhões de idosos. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/saude/1035/campanha-de-vacinacao-contra-gripe-imuniza-13-milhoes-de-idosos.htm>. Acesso em: 22 out. 2020.

Complementos

1 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
2 Vacina: Tratamento à base de bactérias, vírus vivos atenuados ou seus produtos celulares, que têm o objetivo de produzir uma imunização ativa no organismo para uma determinada infecção.
3 Gripe: Doença viral adquirida através do contágio interpessoal que se caracteriza por faringite, febre, dores musculares generalizadas, náuseas, etc. Sua duração é de aproximadamente cinco a sete dias e tem uma maior incidência nos meses frios. Em geral desaparece naturalmente sem tratamento, apenas com medidas de controle geral (repouso relativo, ingestão de líquidos, etc.). Os antibióticos não funcionam na gripe e não devem ser utilizados de rotina.
4 Mortalidade: A taxa de mortalidade ou coeficiente de mortalidade é um dado demográfico do número de óbitos, geralmente para cada mil habitantes em uma dada região, em um determinado período de tempo.
5 Pandemia: É uma epidemia de doença infecciosa que se espalha por um ou mais continentes ou por todo o mundo, causando inúmeras mortes. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, a pandemia pode se iniciar com o aparecimento de uma nova doença na população, quando o agente infecta os humanos, causando doença séria ou quando o agente dissemina facilmente e sustentavelmente entre humanos. Epidemia global.
6 Vírus: Pequeno microorganismo capaz de infectar uma célula de um organismo superior e replicar-se utilizando os elementos celulares do hospedeiro. São capazes de causar múltiplas doenças, desde um resfriado comum até a AIDS.
7 Influenza: Doença infecciosa, aguda, de origem viral que acomete o trato respiratório, ocorrendo em epidemias ou pandemias e frequentemente se complicando pela associação com outras infecções bacterianas.
Gostou do artigo? Compartilhe!