Atalho: 5RCA12T
Gostou do artigo? Compartilhe!

Conheça os novos medicamentos do mercado farmacêutico

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Ecator da Torrent do Brasil

O Ecator é um inibidor da enzima1 conversora de angiotensina (ECA) à base de Ramipril, um dos medicamentos mais usados para hipertensão arterial2 no mundo e para a prevenção de complicações cardiovasculares em pacientes de alto risco.

Lançado pela Torrent do Brasil, multinacional farmacêutica indiana. Segundo informações da empresa, este será o medicamento mais barato do mercado, mesmo se comparado aos genéricos à base de Ramipril. Estudos comprovaram que o Ramipril reduz o risco de morte por doenças cardiovasculares3, acidente vascular cerebral4 e infarto5. Como efeito colateral6, apenas 2,5% dos pacientes apresentam tosse, efeito comum ao uso de medicamentos inibidores da ECA.

Pode ser usado, na maioria dos casos apenas uma vez ao dia. Suas apresentações são de 30 cápsulas de 2,5mg e 5,0 mg.


Cebion 1g sem açúcar7 da Merck

A alemã Merck lançou o Cebion 1g sem açúcar7, indicado para pacientes8 diabéticos com carência de vitamina9 C. Este é mais um dos integrantes da linha Cebion composta por: Cebion 1g Laranja, Cebion 1g Acerola, Cebion 2g, Cebion Gotas, Cebion 500mg, Cebion Glicose10 e Cebion Cálcio. A marca Cebion encontra-se no mercado há 76 anos.

A vitamina9 C tem importante participação no metabolismo11 celular e na proteção contra as infecções12. Não é produzida pelo organismo. Por este motivo, é fundamental manter uma alimentação rica em nutrientes que contenham vitamina9 C, como laranja, acerola, morango, goiaba, kiwi, entre outros. Uma suplementação13 vitamínica pode ser indicada por um médico. A carência de vitamina9 C manisfesta-se por cansaço, baixa resistência às infecções12, gengivite14, perda dos dentes, anemia15, retardo no tempo de cicatrização e alterações cutâneas16.


Levitra com dobro da dosagem padrão, da Bayer

Nova apresentação do Levitra (vardenafila), medicamento usado para disfunção erétil, está disponível no mercado. O Levitra é um dos medicamentos mais vendidos pela empresa no mundo. A Bayer lançou o novo comprimido do Levitra que apresenta o dobro da dosagem já existente: 20mg. De acordo com o fabricante, o novo medicamento é indicado para homens que não respondem aos outros medicamentos, ou que desejam melhorar ainda mais as ereções.


Vitalux Plus da Novartis

Complexo vitamínico diminui a probabilidade de desenvolvimento da degeneração macular17 relacionada à idade (DMRI), uma das maiores causas de cegueira no mundo. Este composto vitamínico consta de carotenóides como a luteína18 e a zeaxantina, vitaminas e minerais que auxiliam na prevenção da DMRI. Aproximadamente 30 milhões de pessoas, em todo o mundo, apresentam sinais19 dessa doença. No Brasil, esse número é próximo de 2,9 milhões de pessoas, a maioria acima dos 60 anos.

Vitalux Plus® é uma inovação na prevenção da DMRI porque contém luteína18 livre, que é absorvida diretamente pelo organismo. A luteína18 e a zeaxantina são os únicos carotenóides encontrados na região central da retina20 (mácula21 lútea), onde a acuidade visual22 é aguçada, por isso a importância dessas substâncias. Estes carotenóides tem importante papel na manutenção da distribuição celular do epitélio23 pigmentário da retina20 (RPE), responsável pelo bom funcionamento das células24 fotorreceptoras (cones e bastonetes). O descompasso no funcionamento deste complexo pode levar à degeneração25 das células24 e, conseqüentemente, à redução da acuidade visual22.

Como a DMRI não tem cura e, se não tratada adequadamente, pode levar à cegueira, a prevenção é essencial.


Composição do Vitalux Plus®

Luteína18 ---------------------------- 5,0 mg

Vitamina9 C ------------------------ 45 mg

Vitamina9 E ------------------------ 10 mg e TE

Riboflavina (vitamina9 B2) ------- 1,3 mg

Betacaroteno --------------------- 4,8 mg

Zeaxantina ------------------------ 1,0 mg

Zinco ------------------------------- 7,0 mg

Cobre ------------------------------ 900 mcg


O único medicamento registrado na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e comercializado para o tratamento da DMRI é a verteporfina (Visudyne®), de infusão intravenosa desenvolvido pela Novartis, que representa um grande avanço no sentido de impedir o progresso da doença. Trata-se de um passo adiante no tratamento, até então realizado com a utilização de aplicação de laser térmico (fotocoagulação).


Aquify® da Novartis

A unidade de negócio CIBA Vision da Novartis lançou o Aquify, que tem em sua composição o hialuronato de sódio e garante maior umidade para os olhos26 por um período superior ao das soluções umectantes para lentes de contato disponíveis no mercado. Este produto é ativado pelo piscar de olhos26 e age de maneira similar à lágrima natural, espalha-se mais a cada piscar, irrigando e lubrificando os olhos26 por mais tempo. O efeito proporciona maior conforto para os usuários de lentes de contato. Além disso, o Aquify® não contém conservantes, podendo ser usado por aqueles que sofrem de alergias ou cujos olhos26 são extremamente sensíveis.

O ser humano pisca em média 12 vezes por minuto. Se considerarmos que, em geral, ficamos acordados 16 horas, isso significa que piscamos 11.520 vezes por dia. Cada vez que piscamos, nossas lágrimas naturais espalham uma camada de umidade e lubrificante sobre nossos olhos26.


Ritalina LA

Nova apresentação do cloridrato de metilfenidato (Ritalina) em cápsulas gelatinosas duras com microgrânulos de liberação modificada. A Ritalina é uma medicação indicada para o tratamento do Transtorno de Déficit de Atenção / Hiperatividade (TDAH) e vem em embalagens contendo 30 cápsulas de 20, 30 ou 40 mg.

A administração é oral, uma vez ao dia, pela manhã. A terapia com RITALINA LA só deve ser iniciada após a titulação da dose diária com RITALINA comprimidos (metilfenidato de liberação imediata). Não se recomenda uma dose diária superior a 60 mg.

Deve ser usada somente com orientação médica pois possui contra-indicações que devem ser respeitadas.


Equipe Médica Centralx27

NEWS.MED.BR, 2005. Conheça os novos medicamentos do mercado farmacêutico. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/pharma-news/931/conheca-os-novos-medicamentos-do-mercado-farmaceutico.htm>. Acesso em: 28 fev. 2020.

Complementos

1 Enzima: Proteína produzida pelo organismo que gera uma reação química. Por exemplo, as enzimas produzidas pelo intestino que ajudam no processo digestivo.
2 Hipertensão arterial: Aumento dos valores de pressão arterial acima dos valores considerados normais, que no adulto são de 140 milímetros de mercúrio de pressão sistólica e 85 milímetros de pressão diastólica.
3 Doenças cardiovasculares: Doença do coração e vasos sangüíneos (artérias, veias e capilares).
4 Acidente vascular cerebral: Conhecido popularmente como derrame cerebral, o acidente vascular cerebral (AVC) ou encefálico é uma doença que consiste na interrupção súbita do suprimento de sangue com oxigênio e nutrientes para o cérebro, lesando células nervosas, o que pode resultar em graves conseqüências, como inabilidade para falar ou mover partes do corpo. Há dois tipos de derrame, o isquêmico e o hemorrágico.
5 Infarto: Morte de um tecido por irrigação sangüínea insuficiente. O exemplo mais conhecido é o infarto do miocárdio, no qual se produz a obstrução das artérias coronárias com conseqüente lesão irreversível do músculo cardíaco.
6 Efeito colateral: 1. Ação não esperada de um medicamento. Ou seja, significa a ação sobre alguma parte do organismo diferente daquela que precisa ser tratada pelo medicamento. 2. Possível reação que pode ocorrer durante o uso do medicamento, podendo ser benéfica ou maléfica.
7 Açúcar: 1. Classe de carboidratos com sabor adocicado, incluindo glicose, frutose e sacarose. 2. Termo usado para se referir à glicemia sangüínea.
8 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
9 Vitamina: Compostos presentes em pequenas quantidades nos diversos alimentos e nutrientes e que são indispensáveis para o desenvolvimento dos processos biológicos normais.
10 Glicose: Uma das formas mais simples de açúcar.
11 Metabolismo: É o conjunto de transformações que as substâncias químicas sofrem no interior dos organismos vivos. São essas reações que permitem a uma célula ou um sistema transformar os alimentos em energia, que será ultilizada pelas células para que as mesmas se multipliquem, cresçam e movimentem-se. O metabolismo divide-se em duas etapas: catabolismo e anabolismo.
12 Infecções: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
13 Suplementação: Que serve de suplemento para suprir o que falta, que completa ou amplia.
14 Gengivite: Condição em que as gengivas apresentam-se com sinais inflamatórios e sangramentos.
15 Anemia: Condição na qual o número de células vermelhas do sangue está abaixo do considerado normal para a idade, resultando em menor oxigenação para as células do organismo.
16 Cutâneas: Que dizem respeito à pele, à cútis.
17 Degeneração macular: A degeneração macular destrói gradualmente a visão central, afetando a mácula, parte do olho que permite enxergar detalhes finos necessários para realizar tarefas diárias tais como ler e dirigir. Existem duas formas - úmida e seca. Na forma úmida, há crescimento anormal de vasos sanguíneos no fundo do olho, podendo extravasar fluidos que prejudicam a visão central. Na forma seca, que é a mais comum e menos grave, há acúmulo de resíduos do metabolismo celular da retina, aliado a graus variáveis de atrofia do tecido retiniano, causando uma perda visual central, de progressão lenta, podendo dificultar a realização de algumas atividades como ler e escrever ou a identificação de traços de fisionomia.
18 Luteína: Mesmo que xantofila. Pigmento amarelo encontrado em grande variedade de organismos; lipocromo. Originalmente isolado da gema do ovo, ocorre em inúmeras espécies vegetais e em penas de aves.
19 Sinais: São alterações percebidas ou medidas por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida.
20 Retina: Parte do olho responsável pela formação de imagens. É como uma tela onde se projetam as imagens: retém as imagens e as traduz para o cérebro através de impulsos elétricos enviados pelo nervo óptico. Possui duas partes: a retina periférica e a mácula.
21 Mácula: Mácula ou mancha é uma lesão plana, não palpável, constituída por uma alteração circunscrita da cor da pele.
22 Acuidade visual: Grau de aptidão do olho para discriminar os detalhes espaciais, ou seja, a capacidade de perceber a forma e o contorno dos objetos.
23 Epitélio: Epitélio ou tecido epitelial é um tecido constituído por células justapostas, ou seja, intimamente unidas entre si. Sua principal função é revestir a superfície externa do corpo, os órgãos e as cavidades corporais internas. Os epitélios são eficientes barreiras contra a entrada de agentes invasores e a perda de líquidos corporais. Eles têm também funções secretoras, sensoriais e de absorção. O tecido epitelial é um dos quatro tipos de tecidos básicos do nosso organismo, juntamente com os tecidos conjuntivo, muscular e nervoso.
24 Células: Unidades (ou subunidades) funcionais e estruturais fundamentais dos organismos vivos. São compostas de CITOPLASMA (com várias ORGANELAS) e limitadas por uma MEMBRANA CELULAR.
25 Degeneração: 1. Ato ou efeito de degenerar (-se). 2. Perda ou alteração (no ser vivo) das qualidades de sua espécie; abastardamento. 3. Mudança para um estado pior; decaimento, declínio. 4. No sentido figurado, é o estado de depravação. 5. Degenerescência.
26 Olhos:
27 Centralx: Empresa fornecedora de produtos e serviços na área de medicina. Fundada em 1989 a Centralx é líder no mercado de softwares e sistemas de informação médicos no Brasil.
Gostou do artigo? Compartilhe!