Gostou do artigo? Compartilhe!

Alto consumo de peixe pode diminuir risco de depressão: meta-análise

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

A associação entre o consumo de peixe e o risco de depressão é controversa. Foi realizada uma meta-análise para avaliar esta associação, publicada online pelo Journal of Epidemiology & Community Health.

A pesquisa bibliográfica foi realizada no PubMed, EMBASE e na base de dados Web of Science para todos os estudos relevantes até março de 2015. Os pesquisadores chineses reuniram os riscos relativos (RR), com intervalo de confiança de 95%, de estudos individuais com modelo de efeitos aleatórios e realizaram uma meta-regressão para explorar as potenciais fontes de heterogeneidade. O viés da publicação foi estimado pelo teste de Egger e pelo gráfico do funil.

Um total de 26 estudos envolvendo 150.278 participantes foi incluído na presente meta-análise. Após análises estatísticas, as conclusões mostraram que o alto consumo de peixe pode reduzir o risco de depressão. Pessoas que consumiram a maior quantidade de peixes reduziram seu risco de depressão em 17% em comparação com aquelas que comiam menos peixe. Quando os homens e as mulheres foram analisados separadamente, uma associação inversa significativa também foi observada. No entanto, esta associação só foi estatisticamente significante para estudos feitos na Europa, disseram os pesquisadores. Eles não encontraram o mesmo benefício quando analisaram estudos feitos na América do Norte, Ásia, Austrália ou América do Sul. Não havia nenhuma evidência de viés de publicação. A causa e o efeito desta associação não foram comprovados nesta análise.

Fonte: Journal of Epidemiology & Community Health, publicação online, de 10 de setembro de 2015

NEWS.MED.BR, 2015. Alto consumo de peixe pode diminuir risco de depressão: meta-análise. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/medical-journal/803799/alto-consumo-de-peixe-pode-diminuir-risco-de-depressao-meta-analise.htm>. Acesso em: 14 nov. 2019.
Gostou do artigo? Compartilhe!