Atalho: 5TP2TNI
Gostou do artigo? Compartilhe!

Consumo de queijo pode aumentar risco de câncer na bexiga, enquanto azeite de oliva protege contra estes tumores, segundo artigo publicado no European Journal of Cancer

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Enquanto o uso de azeite de oliva pode ajudar a reduzir o risco de câncer1 de bexiga2, o consumo exagerado de queijo pode aumentar esta possibilidade, segundo dados de um estudo publicado no periódico European Journal of Cancer1.

Pesquisadores da Katholieke Universiteit Leuven, na Bélgica, coletaram dados de 586 participantes de um estudo caso-controle sobre câncer1 de bexiga2 e encontraram uma associação inversa estatisticamente significativa entre consumo de azeite de oliva e risco de câncer1 de bexiga2. Também foi observado que o consumo de queijo em excesso (mais de 53 gramas ao dia) pode colaborar para o aparecimento de tumores neste órgão.

O estudo precisa de novas pesquisas para confirmar tal hipótese, segundo informam os pesquisadores. Outros alimentos como peixes, frango, ovos e margarina também foram analisados, mas apresentaram resultados pouco significativos.

Fonte: European Journal of Cancer1 – volume 47 de fevereiro de 2011

NEWS.MED.BR, 2011. Consumo de queijo pode aumentar risco de câncer na bexiga, enquanto azeite de oliva protege contra estes tumores, segundo artigo publicado no European Journal of Cancer. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/medical-journal/174107/consumo-de-queijo-pode-aumentar-risco-de-cancer-na-bexiga-enquanto-azeite-de-oliva-protege-contra-estes-tumores-segundo-artigo-publicado-no-european-journal-of-cancer.htm>. Acesso em: 18 nov. 2019.

Complementos

1 Câncer: Crescimento anormal de um tecido celular capaz de invadir outros órgãos localmente ou à distância (metástases).
2 Bexiga: Órgão cavitário, situado na cavidade pélvica, no qual é armazenada a urina, que é produzida pelos rins. É uma víscera oca caracterizada por sua distensibilidade. Tem a forma de pêra quando está vazia e a forma de bola quando está cheia.
Gostou do artigo? Compartilhe!