Gostou do artigo? Compartilhe!

Terapias de privação de andrógenos para câncer de próstata parecem reduzir o risco de infecção por SARS-CoV-2

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

A entrada do SARS-CoV-2 nas células1 depende da ligação das proteínas2 virais spike (S) à ACE2 e da ativação da proteína S pelo TMPRSS2. A inibição do TMPRSS2 pode funcionar para bloquear ou diminuir a gravidade das infecções3 por SARS-CoV-2.

O intrigante é que o TMPRSS2 é um gene regulado por andrógenos4 que é regulado positivamente no câncer5 de próstata6, onde suporta a progressão do tumor7 e está envolvido em uma translocação8 genética frequente com o gene ERG. As terapias de privação de andrógenos4 (ADTs) de primeira ou segunda geração diminuem os níveis de TMPRSS2.

Neste estudo publicado pelo Annals of Oncology, apresentou-se a hipótese de que as ADTs podem proteger os pacientes afetados pelo câncer5 de próstata6 contra infecções3 por SARS-CoV-2.

Foram extraídos dados de 9.280 pacientes (4.532 homens) com infecção9 por SARS-CoV-2 confirmada em laboratório de 68 hospitais em Veneto, uma das regiões italianas mais afetadas pela pandemia10 de COVID-19. Os parâmetros utilizados para cada paciente positivo para COVID-19 foram sexo, hospitalização, internação em unidade de terapia intensiva11 (UTI), óbito12, diagnóstico13 de tumor7, diagnóstico13 de câncer5 de próstata6 e terapia de privação androgênica (ADT).

Havia 9.280 pacientes positivos para SARS-CoV-2 em Veneto em 1º de abril de 2020. No geral, os homens desenvolveram complicações mais graves, foram hospitalizados com mais frequência e tiveram um pior resultado clínico do que as mulheres.

Considerando apenas a população masculina de Veneto (2,4 milhões de homens), 0,2% e 0,3% dos pacientes não oncológicos e com câncer5, respectivamente, apresentaram resultado positivo para SARS-CoV-2.

Comparando o número total de casos positivos de SARS-CoV-2, os pacientes com câncer5 de próstata6 que receberam ADT apresentaram um risco significativamente menor de infecção9 por SARS-CoV-2 em comparação aos pacientes que não receberam ADT (OR 4,05; IC 95% 1,55-10,59).

Foi encontrada uma diferença maior na comparação de pacientes com câncer5 de próstata6 que receberam ADT com pacientes com qualquer outro tipo de câncer5 (OR 5,17; IC 95% 2,02-13,40).

Os dados sugerem que pacientes com câncer5 têm um risco aumentado de infecção9 por SARS-CoV-2 do que pacientes sem câncer5. No entanto, pacientes com câncer5 de próstata6 que recebem ADT parecem estar parcialmente protegidos contra infecções3 por SARS-CoV-2.

Leia sobre "Como o  coronavírus entra no tecido14 respirátorio", "Câncer5 de próstata6" e "Prevenção do câncer5".

 

Fonte: Annals of Oncology, publicação em 07 de maio de 2020.

 

NEWS.MED.BR, 2020. Terapias de privação de andrógenos para câncer de próstata parecem reduzir o risco de infecção por SARS-CoV-2. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/medical-journal/1367068/terapias-de-privacao-de-androgenos-para-cancer-de-prostata-parecem-reduzir-o-risco-de-infeccao-por-sars-cov-2.htm>. Acesso em: 2 jun. 2020.

Complementos

1 Células: Unidades (ou subunidades) funcionais e estruturais fundamentais dos organismos vivos. São compostas de CITOPLASMA (com várias ORGANELAS) e limitadas por uma MEMBRANA CELULAR.
2 Proteínas: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Alimentos que fornecem proteína incluem carne vermelha, frango, peixe, queijos, leite, derivados do leite, ovos.
3 Infecções: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
4 Andrógenos: Termo genérico para qualquer composto natural ou sintético, geralmente um hormônio esteróide, que estimula ou controla o desenvolvimento e manutenção das características masculinas em vertebrados ao ligar-se a receptores andrógenos. Isso inclui a atividade dos órgãos sexuais masculinos acessórios e o desenvolvimento de características sexuais secundárias masculinas. Também são os esteróides anabólicos originais. São precursores de todos os estrógenos, os hormônios sexuais femininos. São exemplos de andrógenos: testosterona, dehidroepiandrosterona (DHEA), androstenediona (Andro), androstenediol, androsterona e dihidrotestosterona (DHT).
5 Câncer: Crescimento anormal de um tecido celular capaz de invadir outros órgãos localmente ou à distância (metástases).
6 Próstata: Glândula que (nos machos) circunda o colo da BEXIGA e da URETRA. Secreta uma substância que liquefaz o sêmem coagulado. Está situada na cavidade pélvica (atrás da parte inferior da SÍNFISE PÚBICA, acima da camada profunda do ligamento triangular) e está assentada sobre o RETO.
7 Tumor: Termo que literalmente significa massa ou formação de tecido. É utilizado em geral para referir-se a uma formação neoplásica.
8 Translocação: É uma alteração cromossômica na qual um segmento de cromossomo se destaca e se fixa em outra posição no mesmo cromossomo ou sobre outro cromossomo.
9 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
10 Pandemia: É uma epidemia de doença infecciosa que se espalha por um ou mais continentes ou por todo o mundo, causando inúmeras mortes. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, a pandemia pode se iniciar com o aparecimento de uma nova doença na população, quando o agente infecta os humanos, causando doença séria ou quando o agente dissemina facilmente e sustentavelmente entre humanos. Epidemia global.
11 Terapia intensiva: Tratamento para diabetes no qual os níveis de glicose são mantidos o mais próximo do normal possível através de injeções freqüentes ou uso de bomba de insulina, planejamento das refeições, ajuste em medicamentos hipoglicemiantes e exercícios baseados nos resultados de testes de glicose além de contatos freqüentes entre o diabético e o profissional de saúde.
12 Óbito: Morte de pessoa; passamento, falecimento.
13 Diagnóstico: Determinação de uma doença a partir dos seus sinais e sintomas.
14 Tecido: Conjunto de células de características semelhantes, organizadas em estruturas complexas para cumprir uma determinada função. Exemplo de tecido: o tecido ósseo encontra-se formado por osteócitos dispostos em uma matriz mineral para cumprir funções de sustentação.
Gostou do artigo? Compartilhe!