Atalho: 5VI7PLN
Gostou do artigo? Compartilhe!

TISS: confira os prazos estipulados pela ANS para adoção do novo padrão

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

 

A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em Saúde1 Suplementar (TISS) para registro e intercâmbio de dados entre operadoras de planos privados de assistência à saúde1 e prestadores de serviços em saúde1.

Depois que publicamos, no canal de notícias News.med.br, uma matéria informando sobre o TISS, recebemos algumas perguntas objetivas sobre o novo padrão. Incluímos, aqui, as principais respostas e informações que podem ser úteis para você.

Ressaltamos que a ANS tem mudado prazos e esclarecido dúvidas. Todas as informações deste site são conclusões nossas e devem ser confirmadas por você com a ANS se forem importantes para sua atuação.

 

ATENÇÃO: NOVOS PRAZOS DA ANS

Padrão TISS (RN nº 114/2005) e prazos definidos (RN nº 138/2006):

1. Para a implantação do padrão de conteúdo e estrutura (guias e demonstrativos de retorno) o prazo é até 31 de maio de 2007.

2. Para a implantação do padrão de comunicação e segurança (troca eletrônica) as operadoras de plano privado de assistência à saúde1 e prestadores de serviços de saúde1 do grupo 1 (hospitais, clínicas e laboratórios) têm até o dia 31 de maio de 2007; as operadoras de plano privado de assistência à saúde1 e prestadores de serviços de saúde1 do grupo 2 (consultórios) têm até o dia do 30 de novembro de 2008; e as operadoras de plano privado de assistência à saúde1 e prestadores de serviços de saúde1 do grupo 3 (clínicas odontológicas) têm até o dia 30 de novembro de 2007.

Fonte: Agência Nacional de Saúde1

 

PERGUNTAS MAIS FREQÜENTES

1) Sou obrigado a ter um software de gestão de consultório por causa do TISS?

Não, você não será obrigado. Existem boas razões para você ter um software no seu consultório, mas você não é obrigado a ter um por causa do TISS. Conheça as possibilidades existentes:

Para os convênios com os quais você já utiliza uma página na internet para informar o atendimento de um paciente, na maioria das vezes não é necessário mais nada. A informação de faturamento já está seguindo por via eletrônica e o seu o convênio cuidará do restante. Portanto, entre em contato com o convênio para saber se a interface Web dele substitui a necessidade de transmissão dos dados via outro software.

É muito provável que a maioria das operadoras de planos de saúde1 e seguradoras adotem a interface Web, porque este meio facilita muito o cumprimento das normas do TISS por prestadores (médicos e clínicas), e exige um investimento pequeno por parte das operadoras. Se você terceiriza o faturamento do seu consultório, então a empresa ou a pessoa que cuida de seu faturamento fará a transmissão eletrônica.

A ANS distribuirá um software gratuito para fazer apenas o faturamento do TISS.

Finalmente, se você quiser adquirir um software médico que, além de todas as funções de organização de seu consultório, faça também o faturamento para o TISS, conheça o HiDoctor2 e os detalhes para uso do HiDoctor2 com o TISS. Adquirindo o produto, você poderá lançar suas contas e enviá-las para os convênios através do software.*

 

2) O TISS é um diferencial no software médico?

Não, de maneira alguma. Todos os softwares médicos no mercado, em tese, devem implementar o TISS. Trata-se de uma revisão nos produtos para permitirem que eles enviem informações de faturamento (as contas médicas) para as operadoras de planos de saúde1.

 

3) Serei obrigado a ter um computador no consultório?

Não, mas se você optar por isso, deverá ter condições de digitar e transmitir suas contas médicas a partir de outro lugar, ou utilizar um serviço de terceiros para o faturamento.

 

*A Centralx3 disponibilizará o envio de contas apenas quando não houver mais revisões nas regras, até a data limite estabelecida pela ANS.  

Matérias relacionadas:

- TISS: confira a Resolução Normativa que altera os prazos de implantação do padrão de troca de informações em saúde1 suplementar (TISS).

- TISS: saiba como o padrão de transferência de informações em saúde1 criado pela ANS afeta o processo de faturamento em sua clínica ou consultório.

- Centralx3 TISS: lançado software para exportação de guias de faturamento no padrão da ANS 

SAIBA MAIS:

- Conheça o Centralx3 TISS, software para exportação de guias de faturamento no padrão da ANS. 

- Veja o pdf sobre o Centralx3 TISS (140KB)

 

NEWS.MED.BR, 2007. TISS: confira os prazos estipulados pela ANS para adoção do novo padrão. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/tecnologia-e-saude/10468/tiss-confira-os-prazos-estipulados-pela-ans-para-adocao-do-novo-padrao.htm>. Acesso em: 19 nov. 2019.

Complementos

1 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
2 HiDoctor: Software para consultórios médicos inteligentes desenvolvido pela Centralx para auxiliar as atividades do consultório e apoiar os pacientes através de recursos exclusivos de comunicação.
3 Centralx: Empresa fornecedora de produtos e serviços na área de medicina. Fundada em 1989 a Centralx é líder no mercado de softwares e sistemas de informação médicos no Brasil.
Gostou do artigo? Compartilhe!