Gostou do artigo? Compartilhe!

Maior contagem diária de passos ao longo do tempo reduz o risco de certas doenças crônicas

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Um novo estudo publicado na revista Nature Medicine se baseou em dados de dispositivos vestíveis fitness que contam passos para avaliar a relação entre contagem diária de passos e risco de doenças crônicas, demonstrando que pessoas que caminham mais têm risco reduzido de algumas doenças.

A associação entre atividade física e doenças humanas ainda não havia sido examinada usando dispositivos comerciais vinculados a registros eletrônicos de saúde1. Os pesquisadores então usaram os dados de registros eletrônicos de saúde1 do All of Us Research Program, mostrando que os volumes de contagem de passos capturados pelos dispositivos Fitbit dos próprios participantes foram associados ao risco de doenças crônicas em todo o fenoma humano.

Dos 6.042 participantes incluídos no estudo, 73% eram do sexo feminino, 84% eram brancos e 71% tinham nível superior, e os participantes tinham idade mediana de 56,7 (intervalo interquartil 41,5-67,6) anos e índice de massa corporal2 de 28,1 (24,3-32,9) kg/m².

Os participantes caminharam uma média de 7.731,3 (5.866,8-9.826,8) passos por dia durante o período médio de monitoramento de atividade de 4,0 (2,2-5,6) anos, com um total de 5,9 milhões de pessoas-dias de monitoramento.

A relação entre passos por dia e doença incidente3 foi inversa e linear para obesidade4 (n = 368), apneia5 do sono (n = 348), doença do refluxo gastroesofágico6 (n = 432) e transtorno depressivo maior (n = 467), com valores acima de 8.200 passos diários associados à proteção contra doenças incidentes7.

As relações com diabetes8 (n = 156) e hipertensão9 (n = 482) incidentes7 foram não lineares, sem redução adicional de risco acima de 8.000-9.000 passos.

Embora a validação em uma amostra mais diversificada seja necessária, esses achados fornecem uma base de evidências do mundo real para orientação clínica sobre os níveis de atividade necessários para reduzir o risco de doenças.

Leia sobre "Doenças crônicas", "Atividade física" e "Caminhada".

 

Fonte: Nature Medicine, publicação em 10 de outubro de 2022.

 

NEWS.MED.BR, 2022. Maior contagem diária de passos ao longo do tempo reduz o risco de certas doenças crônicas. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/medical-journal/1427690/maior-contagem-diaria-de-passos-ao-longo-do-tempo-reduz-o-risco-de-certas-doencas-cronicas.htm>. Acesso em: 1 dez. 2022.

Complementos

1 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
2 Índice de massa corporal: Medida usada para avaliar se uma pessoa está abaixo do peso, com peso normal, com sobrepeso ou obesa. É a medida mais usada na prática para saber se você é considerado obeso ou não. Também conhecido como IMC. É calculado dividindo-se o peso corporal em quilogramas pelo quadrado da altura em metros. Existe uma tabela da Organização Mundial de Saúde que classifica as medidas de acordo com o resultado encontrado.
3 Incidente: 1. Que incide, que sobrevém ou que tem caráter secundário; incidental. 2. Acontecimento imprevisível que modifica o desenrolar normal de uma ação. 3. Dificuldade passageira que não modifica o desenrolar de uma operação, de uma linha de conduta.
4 Obesidade: Condição em que há acúmulo de gorduras no organismo além do normal, mais severo que o sobrepeso. O índice de massa corporal é igual ou maior que 30.
5 Apnéia: É uma parada respiratória provocada pelo colabamento total das paredes da faringe que ocorre principalmente enquanto a pessoa está dormindo e roncando. No adulto, considera-se apnéia após 10 segundos de parada respiratória. Como a criança tem uma reserva menor, às vezes, depois de dois ou três segundos, o sangue já se empobrece de oxigênio.
6 Refluxo gastroesofágico: Presença de conteúdo ácido proveniente do estômago na luz esofágica. Como o dito órgão não está adaptado fisiologicamente para suportar a acidez do suco gástrico, pode ser produzida inflamação de sua mucosa (esofagite).
7 Incidentes: 1. Que incide, que sobrevém ou que tem caráter secundário; incidental. 2. Acontecimento imprevisível que modifica o desenrolar normal de uma ação. 3. Dificuldade passageira que não modifica o desenrolar de uma operação, de uma linha de conduta.
8 Diabetes: Nome que designa um grupo de doenças caracterizadas por diurese excessiva. A mais frequente é o Diabetes mellitus, ainda que existam outras variantes (Diabetes insipidus) de doença nas quais o transtorno primário é a incapacidade dos rins de concentrar a urina.
9 Hipertensão: Condição presente quando o sangue flui através dos vasos com força maior que a normal. Também chamada de pressão alta. Hipertensão pode causar esforço cardíaco, dano aos vasos sangüíneos e aumento do risco de um ataque cardíaco, derrame ou acidente vascular cerebral, além de problemas renais e morte.
Gostou do artigo? Compartilhe!