Gostou do artigo? Compartilhe!

Resultados oncológicos de longo prazo da reconstrução mamária imediata para câncer de mama se mostraram comparáveis àqueles da mastectomia convencional isolada

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Como os resultados oncológicos de longo prazo da mastectomia1 preservadora de mamilo ou pele2 e reconstrução mamária imediata se comparam aos da mastectomia1 convencional isolada para câncer3 de mama4 após quimioterapia5 neoadjuvante?

Um número crescente de pacientes com câncer3 de mama4 recebendo quimioterapia5 neoadjuvante (QNA) são submetidos à reconstrução mamária imediata (RMI) com mastectomia1 preservadora de mamilo (MPM) ou mastectomia1 preservadora de pele2 (MPP) como tratamento cirúrgico. No entanto, a eficácia oncológica e a segurança dessa estratégia de sequenciamento de tratamento não são claras.

O objetivo desse estudo, publicado pelo JAMA Surgery, foi comparar os resultados oncológicos de longo prazo de RMI com MPM / MPP e mastectomia1 convencional (MC) isolada para câncer3 de mama4 no cenário da quimioterapia5 neoadjuvante.

Saiba mais sobre "Câncer3 de mama4", "Quimioterapia5" e "Recomendações do INCA para tratamento do câncer3 de mama4".

Um estudo de caso-controle pareado com escore de propensão retrospectivo6 foi conduzido no Asan Medical Center, Seul, Coreia do Sul. Um total de 1.266 pacientes com câncer3 de mama4 que se submeteram a QNA seguida de mastectomia1 com ou sem reconstrução da mama4 entre 1 de janeiro de 2010 e 30 de novembro de 2016 foram incluídos. A análise dos dados foi realizada de 1º de julho de 2019 a 24 de janeiro de 2020.

Após o pareamento do escore de propensão, 323 pacientes submetidos à RMI com MPM / MPP e 323 submetidos à MC isolada foram selecionados para comparação de resultados oncológicos de longo prazo.

As taxas de sobrevida7 livre de recorrência8 local, sobrevida7 livre de doença, sobrevida7 livre de metástases9 à distância e sobrevida7 global em 5 anos foram calculadas usando o método de Kaplan-Meier e comparadas com testes de log-rank. Hazard ratios (HRs) e ICs de 95% foram estimados usando o modelo de regressão de riscos proporcionais de Cox.

Após o pareamento, os períodos médios de acompanhamento foram de 67 (variação, 17-125) meses para o grupo de RMI e 68 (variação, 17-126) meses para o grupo de MC isolada. A idade média das mulheres no grupo RMI foi de 42 (variação, 23-72) anos; a idade média daquelas no grupo de MC isolada foi de 46 (variação, 30-75) anos.

Não foram observadas diferenças significativas entre os grupos de RMI e de MC isolada nas taxas de recorrência8 local (3,7% vs 3,4%; P = 0,83), recorrência8 regional (7,1% vs 5,3%; P = 0,33) ou metástases9 à distância (17,3% vs 18,6%; P = 0,68).

Também não houve diferença significativa entre os grupos de RMI e de MC isolada nas taxas de 5 anos de sobrevida7 livre de recorrência8 local (95,6% vs 96,7%; HR, 1,124; IC 95%, 0,495-2,549; P = 0,78), sobrevida7 livre de doença (76,5% vs 79,9%; HR, 1,089; IC 95%, 0,790-1,500; P = 0,60), sobrevida7 livre de metástases9 à distância (82,5% vs 82,5%; HR, 0,941; IC 95%, 0,654-1,355 ; P = 0,74), ou sobrevida7 global (92,0% vs 89,3%; HR, 0,847; IC 95%, 0,530-1,353; P = 0,49).

Neste estudo, os resultados oncológicos de longo prazo de reconstrução mamária imediata com mastectomia1 preservadora de mamilo ou pele2 para câncer3 de mama4 pareceram ser comparáveis ​​ àqueles da mastectomia1 convencional isolada após quimioterapia5 neoadjuvante, sugerindo a viabilidade de reconstrução mamária imediata com mastectomia1 preservadora de mamilo ou pele2 no cenário de quimioterapia5 neoadjuvante.

Leia também sobre "Plástica das mamas10", "Recomendações do INCA para reduzir a mortalidade11 por câncer3 de mama4" e "Informações e cuidados sobre o câncer3 de mama4".

 

Fonte: JAMA Surgery, publicação em 14 de outubro de 2020.

 

NEWS.MED.BR, 2021. Resultados oncológicos de longo prazo da reconstrução mamária imediata para câncer de mama se mostraram comparáveis àqueles da mastectomia convencional isolada. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/medical-journal/1385189/resultados-oncologicos-de-longo-prazo-da-reconstrucao-mamaria-imediata-para-cancer-de-mama-se-mostraram-comparaveis-aqueles-da-mastectomia-convencional-isolada.htm>. Acesso em: 22 abr. 2021.

Complementos

1 Mastectomia: Cirurgia através da qual extirpa-se parte ou a totalidade da mama. Pode estar indicada como tratamento do câncer de mama.
2 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
3 Câncer: Crescimento anormal de um tecido celular capaz de invadir outros órgãos localmente ou à distância (metástases).
4 Mama: Em humanos, uma das regiões pareadas na porção anterior do TÓRAX. As mamas consistem das GLÂNDULAS MAMÁRIAS, PELE, MÚSCULOS, TECIDO ADIPOSO e os TECIDOS CONJUNTIVOS.
5 Quimioterapia: Método que utiliza compostos químicos, chamados quimioterápicos, no tratamento de doenças causadas por agentes biológicos. Quando aplicada ao câncer, a quimioterapia é chamada de quimioterapia antineoplásica ou quimioterapia antiblástica.
6 Retrospectivo: Relativo a fatos passados, que se volta para o passado.
7 Sobrevida: Prolongamento da vida além de certo limite; prolongamento da existência além da morte, vida futura.
8 Recorrência: 1. Retorno, repetição. 2. Em medicina, é o reaparecimento dos sintomas característicos de uma doença, após a sua completa remissão. 3. Em informática, é a repetição continuada da mesma operação ou grupo de operações. 4. Em psicologia, é a volta à memória.
9 Metástases: Formação de tecido tumoral, localizada em um lugar distante do sítio de origem. Por exemplo, pode se formar uma metástase no cérebro originário de um câncer no pulmão. Sua gravidade depende da localização e da resposta ao tratamento instaurado.
10 Mamas: Em humanos, uma das regiões pareadas na porção anterior do TÓRAX. As mamas consistem das GLÂNDULAS MAMÁRIAS, PELE, MÚSCULOS, TECIDO ADIPOSO e os TECIDOS CONJUNTIVOS.
11 Mortalidade: A taxa de mortalidade ou coeficiente de mortalidade é um dado demográfico do número de óbitos, geralmente para cada mil habitantes em uma dada região, em um determinado período de tempo.
Gostou do artigo? Compartilhe!