Gostou do artigo? Compartilhe!

A conectividade estrutural e funcional do cérebro muda em resposta ao treinamento de neurofeedback de curto prazo com imagens motoras

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Destaques

  • Estudo randomizado1, duplo-cego, Sham-controlado de neurofeedback no controle motor.
  • Reforço de padrões cerebrais relacionados à execução motora usando imagens motoras2.
  • Um cronograma curto (<1h) de treinamento em neurofeedback leva a alterações na substância branca.
  • Efeito do neurofeedback de imagens motoras2 se estende além das redes sensório-motoras.

Descobertas recentes têm desafiado a compreensão atual de quão rápido o cérebro3 humano muda suas conexões estruturais e funcionais em resposta ao treinamento. Uma maneira poderosa de aprofundar o funcionamento interno da plasticidade do cérebro3 humano é o uso do neurofeedback (NFB) pela fMRI, uma técnica que permite a plasticidade cerebral induzida por meio da modulação da atividade cerebral em tempo real.

Neste estudo randomizado1, duplo-cego e Sham-controlado, realizado por neurocientistas do Instituto D'Or de Pesquisa e Ensino e da UFRJ, publicado na revista NeuroImage, foi usado NFB para treinar indivíduos saudáveis ​​para reforçar os padrões cerebrais relacionados à execução motora durante a realização de uma tarefa de imagens motoras2, sem movimento evidente.

Após 1h de treinamento com NFB, os participantes apresentaram aumento da anisotropia fracionada (AF) no segmento sensório-motor do corpo caloso4 e aumento da conectividade funcional da rede de estado sensório-motora em repouso. O aumento da conectividade funcional também foi observado na rede de modo padrão. Esses resultados não foram observados no grupo controle, que foi treinado com realimentação simulada.

Que se saiba, esta é a primeira demonstração de mudanças na AF da substância branca seguindo um cronograma de treinamento muito curto (<1h). Os resultados sugerem que o NFB por fMRI pode ser uma ferramenta interessante para explorar aspectos dinâmicos da plasticidade cerebral e abrir novos caminhos para investigar a plasticidade cerebral em indivíduos saudáveis ​​e em condições neurológicas.

Veja também: "Quando a perda de memória não é normal?", "Exercite seu cérebro3 todos os dias" e "Como melhorar a sua memória?".

 

Fonte: NeuroImage, vol. 194, em 01 de julho de 2019.

 

NEWS.MED.BR, 2019. A conectividade estrutural e funcional do cérebro muda em resposta ao treinamento de neurofeedback de curto prazo com imagens motoras. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/medical-journal/1340158/a-conectividade-estrutural-e-funcional-do-cerebro-muda-em-resposta-ao-treinamento-de-neurofeedback-de-curto-prazo-com-imagens-motoras.htm>. Acesso em: 23 jul. 2019.

Complementos

1 Estudo randomizado: Ensaios clínicos comparativos randomizados são considerados o melhor delineamento experimental para avaliar questões relacionadas a tratamento e prevenção. Classicamente, são definidos como experimentos médicos projetados para determinar qual de duas ou mais intervenções é a mais eficaz mediante a alocação aleatória, isto é, randomizada, dos pacientes aos diferentes grupos de estudo. Em geral, um dos grupos é considerado controle - o que algumas vezes pode ser ausência de tratamento, placebo, ou mais frequentemente, um tratamento de eficácia reconhecida. Recursos estatísticos são disponíveis para validar conclusões e maximizar a chance de identificar o melhor tratamento. Esses modelos são chamados de estudos de superioridade, cujo objetivo é determinar se um tratamento em investigação é superior ao agente comparativo.
2 Imagens motoras: As imagens motoras são a execução mental de um movimento sem qualquer movimento explícito ou sem qualquer ativação periférica (muscular). Foi demonstrado que as imagens motoras levam à ativação das mesmas áreas cerebrais que o movimento real.
3 Cérebro: Derivado do TELENCÉFALO, o cérebro é composto dos hemisférios direito e esquerdo. Cada hemisfério contém um córtex cerebral exterior e gânglios basais subcorticais. O cérebro inclui todas as partes dentro do crânio exceto MEDULA OBLONGA, PONTE e CEREBELO. As funções cerebrais incluem as atividades sensório-motora, emocional e intelectual.
4 Corpo Caloso: Placa larga composta de fibras densamente mielinizadas que interconectam reciprocamente regiões do córtex de todos os lobos com as regiões correspondentes do hemisfério oposto. O corpo caloso está localizado profundamente na fissura longitudinal.
Gostou do artigo? Compartilhe!