Gostou do artigo? Compartilhe!

Consumo de sódio é associado com doença cardiovascular e acidente vascular cerebral apenas com ingestão média superior a cinco gramas ao dia, em publicação do The Lancet

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

A OMS recomenda que as populações consumam menos de 2 gramas/dia de sódio como medida preventiva contra doenças cardiovasculares1, mas essa meta não foi alcançada em nenhum país. Essa recomendação baseia-se principalmente em dados de nível individual de estudos sobre pressão arterial2 (PA) em curto prazo, sem dados que relacionam a baixa ingestão de sódio a eventos cardiovasculares reduzidos a partir de estudos randomizados ou estudos observacionais.

Pesquisadores canadenses investigaram as associações entre o consumo médio de sódio e potássio em nível de comunidade, doença cardiovascular e mortalidade3 e publicaram seus resultados no periódico The Lancet.

Saiba mais sobre "Hipertensão arterial4" e "Sintomas5 da hipertensão arterial4".

O estudo prospectivo6 The Prospective Urban Rural Epidemiology está em andamento em 21 países. Os pesquisadores relataram uma análise feita em 18 países com dados sobre os resultados clínicos. Os participantes elegíveis eram adultos com idades entre 35 e 70 anos, sem doença cardiovascular, em amostras representativas da população geral. A urina7 de jejum matinal foi usada para estimar a excreção de 24 horas de sódio e de potássio como um substituto para a ingestão.

Avaliou-se as associações entre o consumo de sódio e potássio e a PA em 369 comunidades (todas >50 participantes) e doenças cardiovasculares1 e mortalidade3 em 255 comunidades (todas >100 participantes) e foram usados dados em nível individual para ajustar os fatores de confusão conhecidos.

Os resultados mostram que 95.767 participantes em 369 comunidades foram avaliados para PA e 82.544 em 255 comunidades para desfechos cardiovasculares com acompanhamento por uma mediana de 8,1 anos. 82 (80%) de 103 comunidades na China tiveram um consumo médio de sódio maior que 5 gramas/dia, enquanto em outros países 224 (84%) de 266 comunidades tiveram uma ingestão média de 3-5 gramas/dia.

No geral, a PA sistólica média aumentou em 2,86 mmHg por 1 grama8 de aumento na ingestão média de sódio, mas associações positivas foram observadas apenas entre as comunidades no tercil mais alto de ingestão de sódio (p<0,0001 para heterogeneidade). A associação entre ingestão média de sódio e eventos cardiovasculares maiores mostrou desvios significativos da linearidade (p = 0,043) devido a uma associação inversa significativa no menor tercil de ingestão de sódio (menor tercil <4,43 gramas/dia, ingestão média 4,04 gramas/dia, faixa 3,42–4,43; mudança –1,00 eventos por 1000 anos, IC 95% 2,00 a –0,01, p = 0,0497), nenhuma associação no tercil médio (tercil médio 4,43–5,08 g/dia, consumo médio 4,70 g/dia, 4,44–5,05; alteração 0,24 eventos por 1000 anos, –2,12 a 2,61, p = 0,8391) e uma associação positiva, mas não significativa, no tercil mais alto (maior tercil >5,08 g/dia, ingestão média 5,75 g/dia, > 5,08–7,49; mudança 0,37 eventos por 1000 anos, –0,03 a 0,78, p = 0,0712).

Uma forte associação foi observada com acidente vascular cerebral9 na China (ingestão média de sódio 5,58 g/dia, 0,42 eventos por 1000 anos, IC 95% 0,16 a 0,67, p = 0,0020) em comparação com outros países (4,49 g/dia, –0,26 eventos, –0,46 a –0,06, p = 0,0124; p <0,0001 para heterogeneidade). Todos os principais desfechos cardiovasculares diminuíram com o aumento da ingestão de potássio em todos os países.

O consumo de sódio foi associado com doença cardiovascular e acidente vascular cerebral9 apenas em comunidades onde a ingestão média foi superior a 5 g/dia. Uma estratégia de redução de sódio nessas comunidades e países, mas não em outros, pode ser apropriada.

Leia sobre "Acidente vascular cerebral9", "Dieta para hipertensos" e "Sete passos para um coração10 saudável".

 

Fonte: The Lancet, volume 392, número 10146, de 11 de agosto de 2018

 

NEWS.MED.BR, 2018. Consumo de sódio é associado com doença cardiovascular e acidente vascular cerebral apenas com ingestão média superior a cinco gramas ao dia, em publicação do The Lancet. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/medical-journal/1322758/consumo-de-sodio-e-associado-com-doenca-cardiovascular-e-acidente-vascular-cerebral-apenas-com-ingestao-media-superior-a-cinco-gramas-ao-dia-em-publicacao-do-the-lancet.htm>. Acesso em: 18 nov. 2019.

Complementos

1 Doenças cardiovasculares: Doença do coração e vasos sangüíneos (artérias, veias e capilares).
2 Pressão arterial: A relação que define a pressão arterial é o produto do fluxo sanguíneo pela resistência. Considerando-se a circulação como um todo, o fluxo total é denominado débito cardíaco, enquanto a resistência é denominada de resistência vascular periférica total.
3 Mortalidade: A taxa de mortalidade ou coeficiente de mortalidade é um dado demográfico do número de óbitos, geralmente para cada mil habitantes em uma dada região, em um determinado período de tempo.
4 Hipertensão arterial: Aumento dos valores de pressão arterial acima dos valores considerados normais, que no adulto são de 140 milímetros de mercúrio de pressão sistólica e 85 milímetros de pressão diastólica.
5 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
6 Prospectivo: 1. Relativo ao futuro. 2. Suposto, possível; esperado. 3. Relativo à preparação e/ou à previsão do futuro quanto à economia, à tecnologia, ao plano social etc. 4. Em geologia, é relativo à prospecção.
7 Urina: Resíduo líquido produzido pela filtração renal no organismo, estocado na bexiga e expelido pelo ato de urinar.
8 Grama: 1. Designação comum a diversas ervas da família das gramíneas que formam forrações espontâneas ou que são cultivadas para criar gramados em jardins e parques ou como forrageiras, em pastagens; relva. 2. Unidade de medida de massa no sistema c.g.s., equivalente a 0,001 kg . Símbolo: g.
9 Acidente vascular cerebral: Conhecido popularmente como derrame cerebral, o acidente vascular cerebral (AVC) ou encefálico é uma doença que consiste na interrupção súbita do suprimento de sangue com oxigênio e nutrientes para o cérebro, lesando células nervosas, o que pode resultar em graves conseqüências, como inabilidade para falar ou mover partes do corpo. Há dois tipos de derrame, o isquêmico e o hemorrágico.
10 Coração: Órgão muscular, oco, que mantém a circulação sangüínea.
Gostou do artigo? Compartilhe!