Gostou do artigo? Compartilhe!

Seis questões essenciais sobre o padrão TISS, da ANS

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

A Troca de Informações em Saúde1 Suplementar (TISS) demanda obrigações dos consultórios, das clínicas e das operadoras.

Os consultórios e clínicas já devem registrar as guias no novo formato e exportar um arquivo com os dados para as operadoras. As operadoras já devem receber os dados dos prestadores no formato do padrão TISS. As operadoras também devem definir e informar ao prestador o meio de transmissão de dados que deverá ser utilizado para o envio das informações.

Se você ainda tem dúvidas sobre o TISS, veja as questões essenciais que você precisa saber:

 

1) Quais são as etapas de responsabilidade do prestador e quais são as etapas de responsabilidade da operadora?

A responsabilidade do prestador é preencher as guias no formato eletrônico e exportá-las no padrão TISS. A responsabilidade das operadoras é providenciar o meio de recepção destas informações. O que é importante observar é que o fato de a sua operadora não ter disponibilizado o meio de transmissão da informação não isenta você de ter que preencher e exportar as guias. Mantenha sua parte em dia e cobre da operadora a forma de envio das informações. Observe que a responsabilidade de enviar a informação também é sua.


2) Devo esperar a operadora me informar o que fazer?

Não. A resolução da ANS exige a utilização de acordo com o grupo no qual se enquadra o prestador. Para você ficar resguardado, mantenha seus arquivos exportados no padrão TISS. Assim você estará cumprindo sua parte. Os arquivos podem ser mantidos em seu computador. Baixe o Centralx2 TISS. Você pode utilizá-lo em período de experiência enquanto aguarda as operadoras que ainda não o instruíram sobre o que fazer. Algumas delas terão soluções web (autorizadores). Nestes casos você deverá utilizar o autorizador web tão logo este esteja disponível.

 

3) Existem operadoras que ainda não me informaram como enviar as informações do TISS. Como devo proceder ao atender um paciente que é cliente dessas operadoras?

Você  deve manter o atendimento aos clientes de todas as operadoras normalmente. Se você registrar as informações eletronicamente e armazenar o arquivo mensal, você fez a sua parte. Se houver alguma sanção, será em relação à operadora que não estiver recebendo o arquivo.

 

4) Quais são os passos que a Centralx2 recomenda para solucionar a adoção do TISS?

   1. Baixe o software Centralx2 TISS.
   2. Instale o software.
   3. Lance as guias.
   4. Exporte o arquivo.
   5. Transmita o arquivo para a operadora.

   Sua secretária ou faturista pode encarregar-se desta rotina.


5) O que é o Centralx2 TISS?

É um sistema que permite o preenchimento da guia do TISS e a exportação do arquivo no formato regulamentado pela ANS. O Centralx2 TISS é uma forma rápida e racional de gerar os arquivos no padrão TISS.


6) Algumas operadoras ainda pedem para mandar os dados em papel. O que fazer?

Não há problemas se você mandar, adicionalmente, as informações em papel, desde que não deixe de enviá-las também em formato eletrônico.


Baixe o pdf com o conteúdo desta matéria (53KB)

Veja o pdf sobre o Centralx2 TISS (140KB)

 

Saiba mais em: www.tiss.med.br 


Notícias relacionadas:

- Sistema TISS é distribuído gratuitamente para usuários dos softwares médicos HiDoctor3 e Centralx Clinic4

- TISS: avalie gratuitamente o software Centralx2 TISS para exportação de guias no padrão TISS da ANS

- Centralx2 TISS: lançado software para exportação de guias de faturamento no padrão da ANS

- TISS: confira os prazos estipulados pela ANS para adoção do novo padrão

- TISS: confira a Resolução Normativa que altera os prazos de implantação do padrão de troca de informações em saúde1 suplementar (TISS)

- TISS: saiba como o padrão de troca de informações em saúde1 criado pela ANS afeta o processo de faturamento em sua clínica ou consultório

 

 
NEWS.MED.BR, 2007. Seis questões essenciais sobre o padrão TISS, da ANS. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/tecnologia-e-saude/11593/seis-questoes-essenciais-sobre-o-padrao-tiss-da-ans.htm>. Acesso em: 8 dez. 2019.

Complementos

1 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
2 Centralx: Empresa fornecedora de produtos e serviços na área de medicina. Fundada em 1989 a Centralx é líder no mercado de softwares e sistemas de informação médicos no Brasil.
3 HiDoctor: Software para consultórios médicos inteligentes desenvolvido pela Centralx para auxiliar as atividades do consultório e apoiar os pacientes através de recursos exclusivos de comunicação.
4 Centralx Clinic: Software desenvolvido pela Centralx para clínicas e ambientes de alta produtividade com recursos de agendamento, apoio clínico, faturamento e estoque.
 
Gostou do artigo? Compartilhe!