Atalho: 55ZNHJ0
Gostou do artigo? Compartilhe!

Fibrose cística: novo spray pode ajudar a lubrificar as vias aéreas

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Um novo aerossol pode ajudar a manter lubrificadas e desobstruídas as vias aéreas de pacientes com fibrose cística1 ou mucoviscidose2, segundo pesquisa apresentada na 105° Conferência Internacional da American Thoracic Society em San Diego.

O GS-9411, medicamento em forma de aerossol, ajudou a manter as secreções das vias aéreas menos viscosas, facilitando a limpeza e dificultando o crescimento bacteriano. O novo spray parece ter um papel importante na lentificação da absorção rápida de sódio em pessoas com fibrose cística1, ajudou as células3 a manter a umidade por mais de 8 horas e, nos testes com animais, auxiliou a limpeza do muco excessivo por cerca de 4 horas.

Novas pesquisas precisam ser realizadas para investigar se o GS-9411 pode reduzir o risco de infecção4 e melhorar a função pulmonar dos pacientes com mucoviscidose2.

Na fibrose cística1, o pulmão5 produz muco espesso que pode ficar retido nas vias aéreas e ser invadido por microorganismos. Os pacientes costumam apresentar tosse com secreção produtiva, pneumonias de repetição e bronquite crônica6.

Fonte: 105° Conferência Internacional da American Thoracic Society – News release de 17 de maio de 2009

NEWS.MED.BR, 2009. Fibrose cística: novo spray pode ajudar a lubrificar as vias aéreas. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/novos-medicamentos/35023/fibrose-cistica-novo-spray-pode-ajudar-a-lubrificar-as-vias-aereas.htm>. Acesso em: 23 nov. 2020.

Complementos

1 Fibrose cística: Doença genética autossômica recessiva que promove alteração de glândulas exócrinas do organismo. Caracterizada por infecções crônicas das vias aéreas, que leva ao desenvolvimento de bronquiectasias, insuficiência pancreática exócrina, disfunções intestinais, anormalidades das glândulas sudoríparas e disfunção genitourinária.
2 Mucoviscidose: Doença genética autossômica recessiva que promove alteração de glândulas exócrinas do organismo. Caracterizada por infecções crônicas das vias aéreas, que leva ao desenvolvimento de bronquiectasias, insuficiência pancreática exócrina, disfunções intestinais, anormalidades das glândulas sudoríparas e disfunção genitourinária.
3 Células: Unidades (ou subunidades) funcionais e estruturais fundamentais dos organismos vivos. São compostas de CITOPLASMA (com várias ORGANELAS) e limitadas por uma MEMBRANA CELULAR.
4 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
5 Pulmão: Cada um dos órgãos pareados que ocupam a cavidade torácica que tem como função a oxigenação do sangue.
6 Bronquite crônica: Inflamação persistente da mucosa dos brônquios, em geral produzida por tabagismo, e caracterizada por um grande aumento na produção de muco bronquial que produz tosse e expectoração durante pelo menos três meses consecutivos durante dois anos.
Gostou do artigo? Compartilhe!

Complementos

21/05/2009 - Complemento feito por Edegar
Fibrose cística: novo spray pode ajudar a lubrificar as vias aéreas
Conforme li na revista Veja a dois anos atrás, na Austrália uma pesquisa realizada por uma universidade americana confirmou o que já é de conhecimento de muitos. A água do mar dessalinizada é um excelente auxiliar para livrar os pulmões das secreções que tanto prejudicam os portadores de FC.

Fizemos experiências com água do mar e constatamos estes beneficios, seria importante a utilização destes recursos, pois a qualidade de vida dos portadores de FC fica próximo ao normal.

Atenciosamente

  • Entrar
  • Assinar