Gostou do artigo? Compartilhe!

Windows Vista: ainda não é o melhor momento para migrar

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Muito tem se falado sobre as excelentes novidades apresentadas pelo Windows Vista, que provavelmente será o sistema operacional mais utilizado no médio prazo. Entretanto, toda a euforia promovida pela mídia precisa ser analisada com cuidado. Como sempre acontece com atualizações deste sistema operacional, muitos problemas precisam ser sanados para que o usuário possa usufruir das novas funcionalidades sem dores de cabeça1.

Veja, a seguir, os empecilhos que têm levado os especialistas a aconselharem que os usuários ainda não atualizem para o Windows Vista:

- A maioria dos fabricantes de hardware (como placas2 de vídeo, de som, de rede, câmeras, impressoras e scanners) não está preparada, o que pode causar incompatibilidade entre os equipamentos que você possui.

- A maioria dos fabricantes de software (como antivírus e firewall) não está preparada. Desta forma, atualizar a versão do sistema operacional agora pode significar ficar algum tempo sem utilizar alguns programas que ainda não são compatíveis com o Vista.

- Há uma vasta lista de problemas que a Microsoft espera atualizar até o final do ano. Neste período, muitos erros continuarão a aparecer, até que a versão adquira a estabilidade do Windows XP.

- O Windows Vista é caro.

- O Windows Vista requer considerável upgrade do equipamento ou a compra de um computador inteiramente novo.

- O Windows XP não está obsoleto e a Microsoft continuará atender seus usuários por pelo menos 7 anos.

Migrar para uma nova versão de sistema operacional é uma decisão que exige preparação e investimento. Todas as empresas desenvolvedoras de software ainda farão muitos testes de compatibilidade e performance.

A Centralx3 vai garantir o funcionamento do HiDoctor4 e do Centralx Clinic5 no Vista assim que a Microsoft garantir a estabilidade e a compatibilidade que já existe com o Windows XP.

Veja mais informações: IDG

NEWS.MED.BR, 2007. Windows Vista: ainda não é o melhor momento para migrar. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/10537/windows+vista+ainda+nao+e+o+melhor+momento+para+migrar.htm>. Acesso em: 11 dez. 2019.

Complementos

1 Cabeça:
2 Placas: 1. Lesões achatadas, semelhantes à pápula, mas com diâmetro superior a um centímetro. 2. Folha de material resistente (metal, vidro, plástico etc.), mais ou menos espessa. 3. Objeto com formato de tabuleta, geralmente de bronze, mármore ou granito, com inscrição comemorativa ou indicativa. 4. Chapa que serve de suporte a um aparelho de iluminação que se fixa em uma superfície vertical ou sobre uma peça de mobiliário, etc. 5. Placa de metal que, colocada na dianteira e na traseira de um veículo automotor, registra o número de licenciamento do veículo. 6. Chapa que, emitida pela administração pública, representa sinal oficial de concessão de certas licenças e autorizações. 7. Lâmina metálica, polida, usualmente como forma em processos de gravura. 8. Área ou zona que difere do resto de uma superfície, ordinariamente pela cor. 9. Mancha mais ou menos espessa na pele, como resultado de doença, escoriação, etc. 10. Em anatomia geral, estrutura ou órgão chato e em forma de placa, como uma escama ou lamela. 11. Em informática, suporte plano, retangular, de fibra de vidro, em que se gravam chips e outros componentes eletrônicos do computador. 12. Em odontologia, camada aderente de bactérias que se forma nos dentes.
3 Centralx: Empresa fornecedora de produtos e serviços na área de medicina. Fundada em 1989 a Centralx é líder no mercado de softwares e sistemas de informação médicos no Brasil.
4 HiDoctor: Software para consultórios médicos inteligentes desenvolvido pela Centralx para auxiliar as atividades do consultório e apoiar os pacientes através de recursos exclusivos de comunicação.
5 Centralx Clinic: Software desenvolvido pela Centralx para clínicas e ambientes de alta produtividade com recursos de agendamento, apoio clínico, faturamento e estoque.
Gostou do artigo? Compartilhe!