Gostou do artigo? Compartilhe!

Prexige: Câmara Técnica de Medicamentos recomenda à Anvisa o cancelamento do registro do Prexige no Brasil

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Em relação à interdição de venda e distribuição, por 90 dias, do antiinflamatório Prexige (Lumiracoxibe), medida adotada pelo Centro de Vigilância Sanitária (CVS) de São Paulo (SP), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) esclarece que tem monitorado possíveis ocorrências de reações adversas associadas ao medicamento desde que a agência reguladora da Austrália  - Therapeutic Goods Administration (TGA) – determinou o cancelamento de seu registro.

No final de maio de 2008 foram concluídas as últimas análises da Anvisa sobre o medicamento. A Câmara Técnica de Medicamentos (Cateme) enviou, nesta semana, um parecer à Anvisa recomendando o cancelamento do registro do produto no país. O documento já foi analisado. Outro parecer, concluído nesta semana pela área de farmacovigilância da Agência, também orientou para o cancelamento do medicamento.

Os pareceres serão apresentados na próxima reunião da Diretoria Colegiada da Anvisa. Na ocasião, será determinada a continuidade ou não do medicamento no mercado brasileiro.

É importante observar, na bula do medicamento, as contra-indicações principalmente para pacientes1 com problemas renais ou hepáticos. Este e demais medicamentos com tarja vermelha deverão ser somente utilizados sob prescrição de um médico ou cirurgião-dentista, com avaliação prévia dos riscos para cada paciente.

Informações completas em:
Anvisa

Veja também:
Prexige pode estar causando problemas hepáticos graves

NEWS.MED.BR, 2008. Prexige: Câmara Técnica de Medicamentos recomenda à Anvisa o cancelamento do registro do Prexige no Brasil. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/pharma-news/20605/prexige-camara-tecnica-de-medicamentos-recomenda-a-anvisa-o-cancelamento-do-registro-do-prexige-no-brasil.htm>. Acesso em: 3 mar. 2021.

Complementos

1 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
Gostou do artigo? Compartilhe!