Gostou do artigo? Compartilhe!

Material para pacientes: como evitar os vermes?

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie esta notícia

Os vermes causam doenças conhecidas como parasitoses intestinais, muito comuns na infância, principalmente quando as crianças vivem em ambientes com higiene precária.

Para evitar as parasitoses podem ser tomados alguns cuidados:

- Beber somente água fervida ou filtrada

- Lavar com água fervida ou filtrada as frutas, verduras e legumes ou lavá-las usando pastilhas de cloro que podem ser compradas nas farmácias

- Ferver, por pelo menos 5 minutos, as chupetas e os bicos de mamadeira, antes de usá-los

- Nunca oferecer a uma criança uma chupeta que caiu no chão antes de limpá-la adequadamente

- Manter as instalações sanitárias limpas

- Lavar as mãos1 antes e após o uso do banheiro e antes de todas as refeições

- Lavar semanalmente as roupas de cama e diariamente as roupas íntimas

- Andar sempre com os pés calçados

- Conservar os alimentos e depósito de água cobertos

- Cortar as unhas2 e limpá-las com freqüência

- Cuidar para que as crianças não brinquem em areias contaminadas com fezes de gatos e de outros animais

- Não comer carnes cruas ou mal passadas

 

Fonte: Equipe Médica Centralx3

NEWS.MED.BR, 2008. Material para pacientes: como evitar os vermes?. Disponível em: <https://www.news.med.br/p/para-pacientes/16715/material-para-pacientes-como-evitar-os-vermes.htm>. Acesso em: 30 nov. 2020.

Complementos

1 Mãos: Articulação entre os ossos do metacarpo e as falanges.
2 Unhas: São anexos cutâneos formados por células corneificadas (queratina) que formam lâminas de consistência endurecida. Esta consistência dura, confere proteção à extremidade dos dedos das mãos e dos pés. As unhas têm também função estética. Apresentam crescimento contínuo e recebem estímulos hormonais e nutricionais diversos.
3 Centralx: Empresa fornecedora de produtos e serviços na área de medicina. Fundada em 1989 a Centralx é líder no mercado de softwares e sistemas de informação médicos no Brasil.
Gostou do artigo? Compartilhe!